180graus

E3 2017 - 19/06/2017 às 16h54

Call of Duty - WWII: veja os motivos de ser um dos melhores títulos do evento






Casa do cartucho

Simplicidade, dinâmica e tradição dominam o modo multiplayer de Call of Duty: WWII. São por estas e outras características que o novo jogo da franquia de tiro, em desenvolvimento há três anos pela Sledgehammer, foi um dos melhores títulos apresentados durante a E3 2017.

"Tem sido uma grande oportunidade retornar para as raízes de Call of Duty e para o cenário da Segunda Guerra Mundial. É um contexto que nos permite contar várias narrativas significativas baseadas em fatos reais", explica Swan Soucy, líder de designer do modo multiplayer de WWII, em entrevista ao IGN Brasil. Desde o anúncio do título, alguns fãs da franquia questionaram o fato do shooter estar retornando ao passado e como isso vai influenciar na jogabilidade. Segundo os desenvolvedores, o impacto não será assim tão grande. "Foi difícil olhar para trás e retornar para algumas mecânicas de origem. Ao mesmo tempo, queremos garantir que o jogo tenha características modernas e tradicionais para agradar todos os jogadores."

Se compararmos WWII com os Call of Duty mais recentes, as diferenças são óbvias. No entanto, ao jogar o novo modo multiplayer War, percebi que a crueza do jogo era o que a franquia justamente precisava para retomar a qualidade pela qual foi criada. Movimentos básicos e um arsenal histórico não atrapalham de forma alguma a dinâmica do game -- na verdade, tive uma das partidas mais prazerosas dos últimos anos com um CoD.

O modo War é separado por fases, com objetivos que envolvem desde a captura de um ponto até a escolta de um tanque, como uma verdadeira missão de guerra. Na prática, a modalidade parece simples e pouco inovadora, mas uma jogabilidade sem segredos e equilibrada que fazem com que quaisquer fãs veteranos de jogos de tiro sintam-se em casa.

O mesmo pode ser dito sobre a campanha do jogo que, embora tenha sido criticada por não permitir jogar ao lado do Eixo, acerta em algumas características específicas -- entre elas, o retorno da barra de saúde e uma proximidade com os membros do seu esquadrão. "Você se preocupa com a sua saúde, o quanto de munição ainda tem e onde seus aliados estão. Se importar com a sua equipe, particularmente, é algo que vai evoluir ao longo do jogo", conta Tolga Kart, diretor sênior do game. "Se os seus pontos de moralidade estiverem baixos, você não vai receber ajuda de um médico, por exemplo. Haverá oportunidades para ganhar pontos de moral e vamos colocar os jogadores em cenários específicos para isso."

Call of Duty: WWII pode ter algumas fortes controvérsias em termos de narrativa, como a ausência de símbolos nazistas ou a adição de soldados negros no Eixo, mas com certeza acerta nas mecânicas. Saberemos mais quando o jogo chegar para PlayStation 4, Xbox One e PC em 3 de novembro de 2017. Antes disso, o shooter entrará em fase de beta fechado.

foto texto 1.png

foto texto 2.png

foto texto 3.png

foto texto 4.png

Fonte: Portal IGN Brasil

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Tópicos
Matemática e Raciocínio Lógico no Podium
Teresina 165 anos
Quer mudar de vida?
Matemática Básica
Tire sua CNH com a Autoescola Gallantys
Casa do Cartucho
Aux. Administrativo UFMA
Assist. Administrativo UFMA
Últimas Notícias
16h22 'Não era o que nós queríamos': pais levam faixa 'sincera' na formatura da filha 16h15 Alepi aprova cargo de auditor fiscal ambiental; Semar anuncia concurso 15h51 Sefaz libera R$ 805 mil em créditos de ICMS; saiba como pedir resgate 15h32 Prefeitura Envia à Câmara Projeto de Lei (PL) que Institui 'Transporte Público Municipal' 15h24 Projetos de proteção do meio ambiente no Nordeste receberão R$ 813 mil 15h16 Piauiense é campeão no Mundial de Paracanoagem na República Tcheca 15h08 Projeto garante uso do nome social na administração pública municipal 15h07 Governo lança programa para agilizar crédito a micro e pequenas empresas 14h59 Estoque de vacinas contra HPV para 15 a 26 anos já se esgotou, diz FMS 14h53 Comissão aprova projeto de Elmano para beneficiar parques nacionais 14h52 Lei obriga restaurantes do Piauí a disporem informações nutricionais sobre alimentos 14h47 Justiça condena Felipe Santolia, ex-prefeito de Esperantina em ação penal 14h44 Primeira Turma de Pelotão Mirim de Colônia do Gurguéia-PI, construindo cidadania. 14h17 XLI Encontro Nacional de Folguedos começa nesta quinta-feira (24) 14h17 Novo Android vai mudar a sua forma de assistir a vídeos pelo celular 14h00 Hemopi realiza transfusão de sangue raro em criança de cinco anos 13h35 Governo do estado autoriza estudo para melhorias no Aeroporto de Corrente 12h55 Jornalista não usa direito de calar e depõe por mais de uma hora à Vilma 12h48 Candidatos ao Encceja podem pedir uso do nome social até sexta (25) 12h38 'Fiquei chateada, mas isso não me fere', afirma Monalysa no 'Encontro' 12h34 Governo estuda liberar saque do saldo do PIS e do Pasep para idosos; confira 12h20 Fundação de Saúde entrega cartão para beneficiários do Bolsa Família 12h20 Robert Rios é contra Lula, quer impedir vinda ao Piauí, e nada faz com a Caravana de João Henrique 12h07 Advogado Valdetário Monteiro vai substituir Norberto Campelo no CNJ 12h01 Comitê vai apurar denúncias de tortura a menores no CEM

Matemática Básica
Tire sua CNH com a Autoescola Gallantys
Assist Administrativo UFMA
Aux. Administrativo UFMA

Mais Lidas


    Enquete

    Você acredita que Michel Temer vai...

    Total de Votos: 290

    Válida de 2017-05-29 15:46:00.0 a 2017-06-05

    Ajude!
    Podium - Professor Atualidades
    Assist. Administrativo UFMA

    180graus no Instagramno Instagram

    Aux. Administrativo UFMA