Sexo & Prazer

Tire suas dúvidas · 19/03/2017 - 11h20

Squirting: ejaculação feminina ou urina involuntária?

Squirting: ejaculação feminina ou urina involuntária?


Compartilhar Tweet 1



Você já deve ter visto em alguns filmes pornôs o momento em que a garota expele uma grande quantidade de fluidos vaginais, tal qual o orgasmo masculino. Algumas mulheres já afirmaram que estiveram nesta situação. Boa parte dos homens não só gosta como quer ver acontecendo. Mas será que o squirting é uma ejaculação real das mulheres ou não passa de um xixi involuntário?

Um estudo científico acabou de comprovar que sim, as mulheres são capazes de ejacular durante o orgasmo. Mas, isto não ocorre exatamente como apresentam os filmes pornôs.

Para explicar melhor os termos, Samuel Salama, cientista do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da França, publicou um artigo diferenciando os termos “ejaculação feminina” e “squirt” (esguichar). Embora as duas coisas possam acontecer durante o sexo, os fluidos são diferentes para cada situação.

Na ejaculação feminina, uma pequena quantidade de líquido branco leitoso é expelido. Este líquido é, de acordo com alguns estudos, secretado pelas glândulas de Skene, a considerada ‘próstata feminina’. Ele é responsável por criar uma lubrificação extra durante o sexo e não é expelido na forma de jato.

Já o squirt é, no resumo da obra, a emissão involuntária de urina durante o sexo, devido a uma grande quantidade de ‘líquido limpo formado na bexiga’. Isto acontece por estimulação da área, durante a penetração.

Embora não tenha aparência e nem cheiro de xixi, as substâncias encontradas nele são as mesmas da urina, revelou a pesquisa.

Pois é, agora você sabe que uma das principais buscas pornográficas não passa de pura encenação e muita água antes do sexo.

Este trabalho, então, ajuda a resolver algumas das controvérsias. Se as conclusões estão corretas e podem ser replicadas, demonstra que há dois fluidos diferentes, a partir de duas fontes diferentes, envolvidos na ejaculação feminina.


Fonte: Manual do homem moderno