Pode acelerar o envelhecimento · 31/01/2017 - 16h16

Estudo aponta que jovens não devem tomar suplementos antioxidantes; veja

Estudo aponta que jovens não devem tomar suplementos antioxidantes; veja


Compartilhar Tweet 1



Acredita-se que tomar suplementos com ação antioxidante traz inúmeros benefícios como retardar o processo de envelhecimento, curar doenças e até prevenir o câncer. No entanto, o consumo de suplementos antioxidantes, em especial por pessoas jovens, pode ter um efeito contrário do esperado e acelerar – em vez de retardar – o envelhecimento. A conclusão é de um estudo publicado recentemente na revista científica Redox Biology.

“Cada vez mais pessoas na faixa dos 20 anos tomam pílulas com antioxidantes como a vitamina C e os polifenóis de chá, mas elas devem parar de fazer isso.”, alertou Chen Chang, líder do estudo e pesquisadora do Instituto de Biofísica e da Academia Chinesa de Ciências em Beijing, na China.

Segundo Chen Chang, do Instituto de Biofísica e da Academia Chinesa de Ciências em Beijing, na China, coordenadora do estudo, a ingestão excessiva desse tipo de suplemento pode acelerar o envelhecimento ao perturbar o mecanismo de resposta do corpo ao stress.

Mecanismo natural

Em sua pesquisa, Chen comparou a resposta de vermes e de células humanas, de diferentes idades, ao stress. Os resultados mostraram que o corpo já possui um sistema de combate aos oxidantes – agentes químicos capazes de tirar elétrons de outros átomos necessários para que continuemos ativos e alertas. Os pesquisadores chamaram esse mecanismo natural de “capacidade esforço-resposta-redox-” (RRC, na sigla em inglês) e concluíram que o processo de envelhecimento celular foi causado pela degradação da RRC, não pela presença de oxidantes.

Nesse caso, os suplementos com antioxidantes – vitaminas, minerais e outros químicos que podem neutralizar os oxidantes -, agiriam relaxando muito esse sistema de alarme natural do corpo e poderia até mesmo “estragar” o mecanismo RRC, o que implicaria no risco de uma pessoa jovem “envelhecer mais rápido do que o natural”.

A pesquisadora ressalta que mesmo pessoas mais velhas devem tomar antioxidantes com cautela. Ela acredita que a estratégia correta para retardar o envelhecimento seja fortalecer a capacidade do RRC, não tomar pílulas.
Mecanismo complexo

Para Sang Jianli, biólogo celular na Universidade Normal de Pequim, em entrevista a agência de notícias Asia News Network, a conclusão do estudo “faze todo o sentido”. Mas ele discorda que o mecanismo RRC seja suficiente para explicar completamente o envelhecimento.

“O envelhecimento envolve muitos outros mecanismos, como os genes. Muitos problemas científicos ainda precisam ser resolvidos antes que possamos estimar exatamente quanto tempo um indivíduo pode naturalmente viver.”, afirmou o especialista.


Fonte: Com informações de Veja.com