180graus

Veja as especialidades - 15/08/2017 às 10h22

HGV realiza mutirão cirúrgico no feriado do aniversário de Teresina

Casa do cartucho

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) realiza, nesta quarta-feira (16), feriado da data que marca o aniversário de 165 anos de Teresina, um mutirão cirúrgico simultâneo que tem como meta beneficiar 34 pacientes nas especialidades de cirurgia geral, cabeça e pescoço, cirurgia plástica e endovascular.

Em cirurgia geral, estão programados procedimentos de hérnias abdominais (inguinal, epigástrica e umbilical) e colecistectomias (retirada vesícula biliar). "As hérnias podem causar dor e desconforto. Agilizar esses procedimentos, é proporcionar a essas pessoas uma melhor qualidade de vida", pontua o coordenador da Clínica Cirúrgica do HGV, Hamilton Fontes.

Na especialidade de cabeça e pescoço, as intervenções cirúrgicas serão para tratar cistos, nódulos e lesões diversas. Em cirurgia plástica, os pacientes irão passar por operações reparadores para tratar lesões e sequelas provocadas por traumas e/ou câncer de pele. Já na área endovascular, haverá embolizações de hemangiomas (pequenos tumores benignos).

A diretora-geral do HGV, Clara Leal, explica que os mutirões realizados regularmente aos sábados e feriados são uma das medidas que ajudaram a reduzir a fila e o tempo de espera por uma cirurgia, sobretudo nas especialidades de maior demanda.
As ações promovidas pelo HGV aos finais de semana e feriados já atenderam quase 900 pessoas em várias especialidades médicas, somente em 2017.

Fonte: Governo do Piauí

Próxima terça-feira - 05/08/2017 às 17h34

Inclusão de novos tratamentos em planos de saúde será debatida na Câmara

Casa do cartucho

Será realizada na terça-feira (8) audiência pública para debater o processo de incorporação de novos tratamentos na cobertura mínima obrigatória dos planos de saúde suplementar.

O encontro é organizado pela Comissão Especial de Inovação Tecnológica da Saúde, a pedido do deputado Hiran Gonçalves (PP-RR).

“As inovações tecnológicas na área da saúde proporcionam novos tratamentos constantemente, o que traz para o sistema o desafio de continuar prestando serviços de alta qualidade, porém mantendo preços acessíveis e o negócio viável economicamente”, afirma Gonçalves. Para ele, é importante colocar em discussão as dificuldades do setor, “por impactarem na vida de muitos brasileiros”.

Foram convidados:
- a diretora de Normas e Habilitação dos Produtos da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Karla Santa Cruz Coelho;
- Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde);
- e o presidente da Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge -Regional Rio de Janeiro), Sérgio Custódio Vieira.

A audiência ocorrerá no plenário 15, e terá início às 14h30.

Fonte: Agência Câmara

Duas especialidades - 04/08/2017 às 11h00

Hospital Getúlio Vargas realiza 30º mutirão do ano neste sábado (5)

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) realiza neste sábado (5) seu trigésimo mutirão cirúrgico de 2017. Dessa vez, a ação será simultânea em duas especialidades médicas e a meta é fazer 14 cirurgias de otorrinolaringologia e 17 cirurgias plásticas reparadoras. Este ano, 860 pessoas já foram beneficiadas pelas ações cirúrgicas promovidas pelo HGV.

O cirurgião plástico, Edson Vale, explica que os procedimentos cirúrgicos programados serão, em sua maioria, para tratar lesões em pessoas que tiveram câncer de pele ou que apresentam sequelas por traumas, normalmente ocasionadas por acidentes de trânsito.

Já em otorrino, serão cirurgias de amigdalectomia (retirada das amígdalas), adenoidectomia (retirada da adenoide) e adeno-amigdalectomia, sendo todos os pacientes crianças.

“Apesar da demanda ser contínua, temos conseguido agilizar o volume de procedimentos cirúrgicos e, assim, reduzir a fila de espera de forma significativa. Isso graças a medidas como a realização dos mutirões, que já acontecem de forma regular aos finais de semana e feriados”, pontua Clara Leal, diretora-geral do HGV,

Para o mês de agosto ainda estão programados mutirões nas especialidades ortopedia, no dia 12, cirurgia geral, no dia 16 – feriado do aniversário de Teresina -, e novamente ortopedia, no dia 26.

Fonte: AsCom

Inédita no mundo - 30/07/2017 às 10h01

Pesquisadores da Fiocruz desenvolvem nova metodologia para tratar câncer

Talita Cavalcante Soares de Moura

Talita Cavalcante Soares de Moura

Casa do cartucho

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desenvolveu uma nova metodologia, inédita no mundo, para o tratamento do câncer. Análises feitas pelo Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde (CDTS), responsável pela aceleração de processos de inovação na área, permitiram traçar o perfil molecular do tumor e do tecido saudável de cada indivíduo.

Segundo a instituição, com base no estudo, a escolha de medicamentos relevantes para cada paciente será favorecida, minimizando-se os efeitos colaterais e facilitando o tratamento personalizado da doença.

A iniciativa teve seu potencial reconhecido pelo edital Apoio ao Empreendedorismo e Formação de Startups em Saúde Humana do Estado do Rio de Janeiro, da Federação de Apoio à Pesquisa (Faperj), e ganhou o investimento inicial para que chegue à população. O projeto é inovador, e não há concorrente no mercado para esse tipo específico de diagnóstico, diz a instituição.

“A proposta da Fiocruz permite a indicação de uma terapia mais precisa, o que significa, em termos de benefícios diretos, mais chance de cura, menos efeitos colaterais e melhor sobrevida para os pacientes", diz Nicolas Carels, especialista em bioinformática da fundação, ao citar benefícios da nova metodologia. Carels ressaltou que as terapias atuais são muito agressivas. "Além disso, a economia representada pela escolha adequada do medicamento pode ser revertida para ampliar o acesso da população ao tratamento”, acrescentou.

O método foi desenvolvido para ser aplicado a pacientes com qualquer tipo de câncer e testado em linhagens celulares tumorais e não tumorais, com resultados de máxima eficiência para o câncer de mama,informou Tatiana Tilli, especialista do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde, que divide o desenvolvimento da metodologia em bioinformática.

“Indiretamente, representa uma economia financeira substancial para o gestor hospitalar em termos de despesas com efeitos colaterais, novas internações e ciclos longos de tratamento. Isso é parte da inovação em saúde que estamos propondo”, disse Tatiana.

O novo tratamento não beneficia apenas os pacientes com medicamentos mais específicos para cada caso, mas também os médicos, a equipe médica, os gestores e os laboratórios farmacêuticos, destacou o coordenador-geral do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde da Fiocruz, Carlos Medicis Morel.

Para Morel, a mudança de paradigma com o primeiro edital da Faperj para investimento em inovação e startups é motivo de comemoração. Startups são empresas, geralmente de tecnologia, que começam a operar no mercado. "A tecnologia é objeto de empreendedorismo, de investimentos e parcerias públicas e privadas, e a missão do CDTS/Fiocruz é levar o novo conhecimento gerado pela pesquisa e desenvolvimento tecnológico até a população.”

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que os casos de câncer no mundo poderão chegar a 27 milhões até o ano de 2030. O câncer de mama, o mais comum em mulheres, representa cerca de 25% do total de casos da doença. No Brasil, o Sistema Único de Saúde (SUS) é responsável por 70% do tratamento realizado para todos os tipos de câncer.

Fonte: Agência Brasil

Sessões de treino/ alimentação - 13/07/2017 às 08h32

Começar a correr: especialista dá dicas para alcançar os primeiros 5 km

Uma meta bastante ambicionada pelos corredores amadores são os cinco quilômetros. Conversamos com o especialista Camilo Motta, membro da assessoria de corrida Run&Fun e mestre em educação física pela Universidade de São Paulo (USP), sobre quais são os truques que podem facilitar a conquista desse desafio pessoal.

Correr 5 km: dicas

Mais treinos, menos tempo:

Corredores de primeira viagem devem se concentrar em fazer treinos curtos, e não com muito volume. "Tentar fazer mais treinos por semana em vez de fazer sessões muito longas é melhor", explica o personal. Além disso, esqueça do tempo. Nos primeiros contatos com percurso, o importante é se concentrar para completar a prova, e não no tempo gasto.

O que comer antes de se exercitar e depois conta muito:

“Geralmente, o pré-treino tem que ser composto de algo leve e que não exija muito do organismo para sua digestão”, explica Motta. Nesse caso, o mais recomendado são frutas, sucos e alguns tipos de suplementos baseados em carboidratos.

Entretanto, a dieta varia conforme a hora em que o treino for realizado. As demandas do nosso corpo ao acordar são diferentes do que é necessário para suprir o organismo durante a tarde, por exemplo. “Se o atleta for investir nos treinos de corrida, é muito interessante que procure um nutricionista para auxiliá-lo nesse processo”, completa.

Comer após a atividade física é tão importante quanto se alimentar antes de correr. Para treinos mais curtos, como percursos de cinco quilômetros, os carboidratos de fácil absorção são os mais indicados. Após ingeridos, esses alimentos repõem no organismo os estoques de glicogênio muscular (carboidratos intramusculares).

Qual o melhor tipo de tênis ?

“Não existe um tênis ideal”, afirma o especialista. Tratando-se de iniciantes, o mais adequado é começar com um tênis em que o atleta se sinta confortável.

“É bom que se diga que é importante correr sempre com o mesmo tênis. Essa história de revezar os tênis não é uma boa ideia”, explica Motta. Segundo ele, o nosso corpo se adapta ao formato do calçado. Por isso, se um atleta trocar muito de modelo, é possível que o seu organismo sofra alguma lesão, ainda que pequena, antes que o seu sistema locomotor se adapte à nova mudança.

Carregando, por favor aguarde...
Quer mudar de vida?
Agente PRF
Informática p/ concursos
Informática Cespe/UNB
Casa do Cartucho
Agente PF
Últimas Notícias
19h41 Copa do Médio Sertão 2017 18h07 Municípios se reúnem para discutir plano de Gestão Integrada 17h59 Comissão aprova proposta que valoriza Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias 17h44 Câmara realiza sessão especial em homenagem a Teresina 17h42 Inscrições para o Garantia-Safra já começaram em Pimenteiras 17h42 Assaltante armado de faca tenta roubar e se dá mal em PHB 17h40 Caixa reduz limite de financiamento de imóveis novos e também usados 17h34 Famílias lotam a praça do Poti Velho para 'cantar os parabéns' a Teresina 17h29 Resultado das inscrições no 'Revalida' já está disponível;a 1ª etapa do Exame 17h13 Uninassau realizará aula inaugural em Educação à Distância 17h10 Sesc Caixeiral promove Festeja Parnaíba 16h46 Vereadores acusam prefeito de Dirceu de formar quadrilha 16h26 Encerramento dos Festejos na barraca do Chico Neto 15h46 Bakanas do forro no Bar do Veloso 14h32 STJ condena Jair Bolsonaro por ele dizer que não ‘estupraria’ deputada 14h17 INTERPI promove Audiência Pública na Câmara Municipal para regularizar assentamentos. 13h23 Policiais Militares Capturam Foragido da Delegacia Regional de São João dos Patos-Ma 13h22 Avenida esburacada deixa população revoltada no bairro Junco 13h18 Residencial e Loteamento Vale do Amanhecer 13h08 Acidente automobilístico deixa mais uma vítima fatal em Picos 12h03 Homem é preso suspeito de furtar estepes na zona Leste 11h26 Andressa Suita se declara para seu filho Gabriel em foto nas redes sociais 11h25 W.Dias sobre cortes de verbas: 'Nunca tinha visto uma situação como essa' 11h15 Evaristo Costa recusa anúncios em redes sociais por causa da Globo 11h07 Lucy Soares diz que recebeu vários convites, menos para vice de W.Dias