Seduc · 12/12/2016 - 09h44

Governo inaugura polo da Universidade Aberta em Palmeirais

Governo inaugura polo da Universidade Aberta em Palmeirais


Compartilhar Tweet 1



A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) realizou nesta terça-feira (6), a inauguração do polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB) no município de Palmeiras. A entrega da obra faz parte das ações realizadas pela secretaria como mantenedora de infraestrutura dos polos e vem investindo na melhoria das condições físicas dos polos onde os cursos são ofertados.

Em parceria com as instituições de ensino superior, a Seduc vem trabalhando para expandir a graduação a distância. Para 2017 será ofertado o curso de administração, com 50 vagas para o município de Palmeirais, pela Universidade Aberta do Piauí (UAPI). O edital tem previsão para o início das aulas no primeiro semestre nos mais de trinta polos do Estado.

"É com muita alegria que entregamos uma obra tão esperada como o polo da UAB de Palmeirais, paralisado há cinco anos. Primeiro será lançado o edital com curso de administração para o próximo ano, pelo UAPI, em um novo redesenho. Como esse polo foi credenciado pela Capes, acredito que no máximo até o segundo semestre deve ser lançado pelas universidades, editais para mais cursos", afirmou a secretária Rejane Dias, durante a solenidade.

O polo da UAB de Palmeirais teve investimento de R$ 858.276,50, valor que inclui a construção da estrutura física, aquisição de mobiliários, equipamentos para espaços administrativos, pedagógicos e computadores para laboratórios de informática. A nova sede possui uma biblioteca, três salas de aula presenciais, dois laboratórios de informática, uma sala de coordenação, sala de secretaria e sala de tutoria.

A coordenadora do polo da UAB em Palmeirais, Vilma Barbosa, comemora a inauguração do polo. "É uma alegria partilhar deste momento. É um sonho antigo como professora do ensino superior no município. Foi uma luta muito grande conseguir este espaço para os nossos alunos e saber que agora eles não precisam sair daqui para ter ensino superior", finaliza.

As vagas para os cursos incluem graduação e pós-graduação e serão distribuídas por polos mantidos pela Secretaria de Estado da Educação em parceria com a Universidade Federal do Piauí (UFPI), Universidade Estadual do Piauí (UESPI) e Instituto Federal do Piauí (IFPI). Estão sendo ofertadas mais de 10.000 vagas em 33 polos de apoio presencial, sendo 31 no Piauí e dois na Bahia.

(Redação Teresina)


Fonte: Com informações da Ascom