180graus

Após decisão em ação do Piauí - 12/11/2016 às 11h51

Repatriação: 18 estados que podem receber parte da multa, diz ministra

A ministra Rosa Weber acatou o pedido feito em conjunto pelos governadores

Teresina Participativa
Você no controle do Processo
Maria Brasileira - Limpeza e cuidados





A decisão provisória do Supremo Tribunal Federal (STF) que determina que o governo federal pague aos estados do Piauí e Pernambuco o valor das multas cobradas com a Lei da Repatriação (destinada à regularização de ativos do exterior não declarados à Receita Federal) foi estendida para mais 16 unidades federativas – Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Santa Catarina, Roraima, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Tocantins. A ministra Rosa Weber acatou o pedido feito em conjunto pelos governadores que querem uma fatia maior dos recursos arrecadados pela União.

Os estados e municípios já recebem parte do percentual de 15% de Imposto de Renda (IR) pago por contribuintes que, em troca de anistia, declararam os valores mantidos em contas no exterior. O valor da distribuição, feita de acordo com critérios definidos pelo Tribunal de Contas da União (TCU), alcançou R$ 4,02 bilhões (21,5% dos R$ 46,8 bilhões arrecadados). Mas governadores já haviam sinalizado que iriam em busca de parcela da multa.

Além do Imposto de Renda, a regularização dos recursos exige pagamento de 15% em multa. O argumento das administrações estaduais é o de que a partilha desse recurso está prevista tanto na Constituição como no Artigo 163 do Código Tributário Nacional. A decisão da ministra Rosa Weber ainda depende de um aval do plenário do STF.

Prorrogação
Paralelamente à possível mudança nas regras da partilha, o Senado já estuda um novo projeto de lei para reabrir o prazo de repatriação de ativos, encerrado em 31 de outubro. Inicialmente, a proposta apresentada pelo presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), é de um prazo que de até 90 dias a partir da sanção da matéria. Mas esse limite será discutido com a Câmara para que haja consenso.

rosaweber.jpeg

A principal diferença, principalmente do ponto de vista dos governos, é que nessa segunda oportunidade de regularização, as alíquotas cobradas em troca da anistia serão maiores. Tanto a parcela cobrada sobre o IR quanto sobre a multa passariam de 15% para 17,5% cada, somando 35% de taxação total sobre o recurso a ser regularizado.

Governadores que têm acompanhado a negociação em torno do novo prazo querem que o impasse sobre as multas seja solucionado já na tramitação do projeto. Esta semana, o governador de Goiás, Marconi Perillo, pediu apoio do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e chegou a afirmar, depois do encontro, que há um compromisso da pasta em garantir a partilha da multa no novo programa de repatriação. A decisão do STF pode contribuir para o pleito dos estados.

Fonte: Agência Brasil

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Podium PMPI
Terrazzo Poti
Teresina Participativa
Últimas Notícias
14h29 Abuso de autoridade: CCJ aprova texto após senador mudar redação 14h25 Prefeitura de Monsenhor Gil abre inscrições em programa habitacional 14h06 Dor nas costas é o problema que mais afasta trabalhadores no Brasil 13h56 Ex-Spice Girl,Mel C vem ao Brasil em junho lançar 'Versions of Me' 13h56 Prefeitura incentiva desenvolvimento do comércio de Cocal 13h55 Palmeiras encara Peñarol pela 10ª vez na Copa Libertadores com favoritismo 13h53 Semana da Saúde 13h52 Prefeitura de Cocal abre inscrições para voluntários do Programa Novo Mais Educação 13h45 Botafogo estreia pela Copa do Brasil contra o Sport nesta quarta-feira (26) 13h45 Beyoncé cria programa de bolsas de estudo só para mulheres 13h44 Bebê de 3 meses tem os dedos da mão arrancados pelo cachorro da família 13h38 Juros do rotativo do cartão de crédito sobem para 490,3% ao ano 13h35 Boxe brasileiro embarca para primeira competição internacional do ano; veja 13h34 Trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado 13h34 Em reunião, Semar-PI debate sobre exploração de petróleo e gás natural 13h20 Brasil vence torneio internacional de badminton no Peru 13h17 Contas do Idepi referentes ao exercício de 2014 são reprovadas pelo TCE-PI 13h08 Semjuv adere a campanha Baleia Rosa e chama atenção sobre jogo 13h06 Agnaldo Timóteo se apresenta em três cidades do Piauí em maio 13h05 Confiança do comércio volta a ficar positiva ao atingir 102,3 pontos 13h04 Mulher morre em colisão de motos na cidade de Luís Correia, litoral do Piauí 13h03 IBGE revela: 1,5 milhão de pessoas têm dívidas com empregadores 13h02 Carros encontram dificuldades em estrada que liga Joca Marques a Madeiro 13h01 Fla: Lancuna pede foco no Parnahyba e reforça a esperança em classificação 12h58 Deputado Waldir Maranhão Visita Zona Rural de São João dos Patos

Teresina Participativa

Mais Lidas


    Enquete

    Você aprova a decisão da CCJ do Senado em diminuir as vagas para deputados piauienses?

    Total de Votos: 809

    Válida de 2017-04-06 17:08:00.0 a 2017-04-30

    Teresina Participativa
    Teresina Participativa

    180graus no Instagramno Instagram