180graus

Comissão receberá proposta - 12/05/2015 às 09h30

Relatório da reforma política prevê fim da reeleição e mandatos de 5 anos

Relator da proposta na Câmara deu entrevista ao programa 'Roda Viva'

Islamar-Semana Santa
Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas
comserv
Hotel Delta - Semana Santa
Terrazzo Poti





O relator da comissão especial que discute a reforma política na Câmara dos Deputados, deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), afirmou que o texto a ser apresentado nesta terça-feira (12) na comissão prevê o fim da reeleição para o Executivo (prefeito, governador e presidente) e mandatos de cinco anos para todos os eleitos, incluindo senadores, deputados federais, estaduais e vereadores.

Castro deu as informações na noite desta segunda-feira (11) em entrevista ao programa “Roda Viva”, da TV Cultura. Como o texto que será apresentado na comissão trata-se de uma proposta de emenda à Constituição (PEC), depois de ser aprovado no colegiado, precisará da aprovação de ao menos 3/5 do plenário da Câmara (308 deputados) e 3/5 do plenário do Senado (49 senadores).

Segundo ele, o relatório propõe eleições simultâneas para todos os cargos a cada cinco anos – atualmente, há eleições a cada dois anos (para prefeitos e vereadores; e para presidente, governadores, senadores e deputados).

Para se permitir a coincidência, haveria uma etapa de transição pela qual, na próxima eleição, prefeitos e vereadores teriam um mandato de somente dois anos. Esta eleição seria, no entanto, segundo Castro, a última em que os eleitos poderiam ser reeleitos, podendo permanecer ate sete anos no poder.

“[O texto prevê] o fim da reeleição para os cargos executivos - prefeitos, governadores e presidentes da República. Achamos que foi um equívoco no passado que precisamos corrigir agora”, disse o parlamentar.

“Também [queremos] aprovar as coincidências de todas as eleições, eleições unificadas no Brasil inteiro de vereador a presidente. O próximo mandato para vereador e prefeituras [eleições de 2016] seria de dois anos. Depois, em 2018, todos mandatos seriam de cinco anos, incluindo senador [atualmente de oito anos]”, explicou.

Segundo o deputado, o relatório também prevê que os três senadores de cada estado sejam escolhidos na mesma eleição. Atualmente, há um revezamento e, a cada quatro anos, um ou dois senadores são eleitos para mandatos de oito anos.

Pelo texto, também passa a ser diferente a forma de escolha dos senadores suplentes. Atualmente, os suplentes concorrem na mesma chapa do candidato a senador. Pelo relatório, os suplentes de cada estado seriam o quarto, o quinto e o sexto mais votados.

O relatório do peemedebista também mantém o voto obrigatório. "A maioria dos membros da comissão] se mostrou a favor do voto obrigatório. As pessoas acharam que, como as eleição são agora só de cinco em cinco anos, e como o voto é um dever, optou-se por manter o voto obrigatório", afirmou.

Coligações
A proposta do relator, articulada, segundo Castro, a partir de discussões com os membros da comissão, prevê ainda o fim das coligações proporcionais, pela qual partidos se unem para disputar eleições para deputado e vereador.

O sistema atual permite a união de partidos nessas eleições. Na hora de votar, o eleitor pode escolher um candidato (voto nominal) ou apenas o partido (voto de legenda). Quanto mais votos uma coligação obtiver (somando nominais e na legenda), mais vagas terá no Legislativo. Na prática, coligações com candidatos capazes de obter grandes votações (os chamados "puxadores de votos") e/ou muitos votos na legenda conseguem eleger também candidatos pouco votados. Por isso, é comum ver um candidato ser eleito mesmo obtendo menos votos que outro, de outra coligação.

A proposta também deverá ter um modelo de escolha de deputados e vereados que ficou conhecido como distritão, em que são eleitos os candidatos mais votados da cidade ou do estado. O modelo se contrapõe ao atual sistema proporcional com lista aberta, em que o número de votos do partido ou coligação define que sigla tem direito de ocupar as vagas em disputa. Com base nessa conta, o candidato mais bem colocado de cada partido entra.

O modelo do distritão é defendido pelo presidente nacional do PMDB e vice-presidente da República, Michel Temer. Castro, no entanto, defende o voto distrital misto, que combina o sistema distrital com o proporcional. “A noção do distritão é um voo cego, um salto no escuro, embora esteja discordando aqui do meu presidente do PMDB”, declarou.

Fonte: Com informações do G1

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Terrazzo Poti
Preratório PM-PI
Antônio das Neves - Peritos Associados
Últimas Notícias
15h50 CBF e Nike lançam o terceiro uniforme da Seleção em duas versões 15h49 Prefeitura não responde a pedido de informações dos gastos de Firmino 15h45 Artistas de rua de Teresina reclamam e pedem mais atenção das autoridades 15h32 Neymar foi titulado como novo capitão da Seleção contra o Paraguai: confira 15h04 Saúde incorpora medicinas tradicionais e complementares ao SUS 15h03 CCJ pode votar proposta que define crimes de abuso de autoridade 15h02 Inflação da construção civil cai, mas acumula 5,87% em 12 meses 15h01 OIT afirma que desemprego seguirá crescendo no mundo todo 14h59 Eriberto Leão anuncia que será papai novamente de um menino 14h54 Luana Piovani volta a rede Globo como a protagonista em 'O Sétimo Guardião' 14h45 PI-392 que chega a Transcerrado terá asfalto concluído até o fim de 2017 14h41 Apaixonada por Campo Maior, Secretária de Turismo é entrevistada no EugenioShow 14h29 O excesso de masturbação pode atrapalhar a relação sexual? 14h20 Comunidade católica divulga a programação da Semana Santa 14h09 Conheça 5 dicas para a relação sexual durar mais tempo 13h57 A Prefeitura Municipal de S. Mendes e Sec.de Assistência Social realizou uma ação Combate à Dengue 13h54 Ao vivo: Câmara faz sessão solene em homenagem à Batalha do Jenipapo 13h51 Prefeito Ribinha participa de sessão da 'Batalha do Jenipapo' na Câmara 13h28 Prefeitura Municipal de Miguel Alves, entrega cadeiras de rodas 13h23 Jovem morre afogado durante banho em riacho no Piauí; vítima pode ter consumido bebida alcoólica 13h12 Caminhão Digital leva capacitação para o interior do Piauí; veja 13h08 BrVox/Governador: W.Dias 49%, Firmino 9,3% e Wilsão 5% 12h59 Legislativo e Executivo Trabalhando pra Valer 12h58 Presidente da Câmara de Vereadores de Floriano se reúne com o prefeito Joel Rodrigues 12h56 Sindicato lamenta morte de garçonetes do Casarão após acidente de moto

Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas
Elegante é ter você em nossa companhia!
Antônio das Neves - Peritos Associados

Mais Lidas


    Enquete

    Qual foi o melhor carnaval do Piauí em 2017?

    Total de Votos: 1244

    Válida de 2017-03-02 09:43:00.0 a 2017-03-23

    comserv

    180graus no Instagramno Instagram