180graus

Homofóbico igualzinho ao pai - 30/06/2011 às 01h10

Filho de Bolsonaro fala no Twitter: 'Chupa viadada'; entenda a briga

'Viva a Liberdade de Expressão. Parabéns Brasil', escreveu, comemorando salvação do pai

CASA DE PRAIA
GUIA DOS PARLAMENTARES II
Casa do Cartucho
CND_VAGA

"CHuUuuupa Viadada" (sic). Assim o vereador do Rio Carlos Bolsonaro (PP) comemorou nesta quarta-feira, pelo microblog Twitter, o arquivamento da representação contra seu pai, o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), no Conselho de Ética da Câmara.

A representação contra Bolsonaro, de autoria do PSOL, dizia que ele foi racista ao responder uma pergunta feita pela cantora Preta Gil, durante o programa "CQC", da TV Band, em março.

Ao ser questionado qual seria a reação dele se seu filho se apaixonasse por uma negra, o parlamentar respondeu: "Preta, não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Eu não corro esse risco e meus filhos foram muito bem educados. E não viveram em ambiente como lamentavelmente é o teu".

"CHuUuuupa Viadada. Bolsonaro absolvido!!!! Viva a Liberdade d Expressão. Parabéns Brasil! [sic]", afirmou Carlos Bolsonaro em seu perfil no Twitter.

O parlamentar postou diversos outros comentários, rebatendo as críticas que recebeu dos internautas: "Desejar minha morte é o menor dos elogios q tenho lido no twitter. Rs! Pregam a Liberdade d Expressão, só a deles, a minha ñ. Ditadura Gay!"; "Atenção Boiolas, p/ infelicidade d vcs, eu sou hétero!".

REJEITADO
Por 10 votos a 7, o Conselho de Ética da Câmara rejeitou hoje a representação contra Jair Bolsonaro. A maioria dos integrantes do colegiado entendeu que o deputado tem o direito de expressar a sua opinião e portanto votou contra o relatório de Sérgio Brito (PSC-BA), que pedia a abertura do processo. Durante a sessão, Bolsonaro trocou acusações com Jean Wyllys (PSOL-RJ) e Chico Alencar (PSOL-RJ).

Wyllys disse que Bolsonaro tinha que limpar sua boca para lhe dirigir a palavra. "Tenho orgulho de ser chamado de veado por outro veado. E o sr. tem que lavar a boca, pois sou homossexual com "h" maiúsculo, de homem, coisa que o sr. não é", afirmou. Os gays chegaram a dizer: "Filho de homofóbico, homofóbico é".

Wyllys disse que Bolsonaro usou da homofobia, que não é crime, para justificar o crime de racismo.

Além da fala no "CQC", outro fato citado na representação foi a briga entre Bolsonaro e a senadora Marinor Brito (PSOL-PA), na Comissão de Direitos Humanos do Senado.

Após a retirada do projeto que criminaliza a homofobia da pauta de votação, enquanto a relatora da proposta, Marta Suplicy (PT-SP), concedia entrevista à imprensa, Bolsonaro exibiu um panfleto contra a ampliação dos direitos dos homossexuais, o que irritou Marinor, que chegou a bater na mão do deputado.

Marinor tentou impedir que Bolsonaro exibisse o panfleto e o chamou de homofóbico, o que acabou resultando em discussão.

Jean Wyllys deixou o Conselho logo após a polêmica, mas Chico e Bolsonaro chegaram a trocar ofensas. O representado chamou o colega do PSOL de "mentiroso, imoral". "Vou tirar você [Chico] do armário", disse Bolsonaro.

"Tá nervoso é? Isso é diversionismo", respondeu Chico Alencar.

Sérgio Brito, relator do caso, se disse surpreso e lamentou o fato de a atitude de Bolsonaro poder continuar a mesma, sem nenhum tipo de punição.

Publicado Por: Allisson Paixão

Últimas Notícias
02h07 Final do Brasileiro sub-20 teve que ser adiado por falta de energia em estádio 01h53 Deve-se redobrar a atenção, é grande o números de crianças esquecidas dentro de carros no País 01h14 Acumulado próximo prêmio da Mega-Sena pode pagar até R$ 8 milhões 01h00 Facção faz mais de 30 disparos contra a casa de dois sargentos PM 00h56 Segundo OMS já morreram cerca de 7.373 pessoas vítimas do ebola na África Ocidental 00h44 Real Madrid 2 x 0 San Lorenzo - Cristiano Ronaldo é tetracampeão do mundo 00h27 192 apartamentos do Minha Casa, Minha Vida são entregues pelo movimento sem teto 23h45 Homem procurado pela Interpol é preso em aeroporto de Belo Horizonte 23h27 A prefeitura de S. Mendes e todas as Secretarias, desejam um feliz NATAL a todos SIMPLICIOMENDENSES 23h19 Raúl Castro pede aos EUA que respeitem o regime comunista de Cuba 22h43 Juíza manda bloquear bens da Alumini e responsabiliza Petrobras 22h18 CBF promete punir clubes que não cumprirem fair play financeiro em 2015 21h49 Após renovação no Flamengo, esposa de Léo Moura desabafa na web 21h18 Na série B, Botafogo anuncia renovação com patrocinador master para 2015 20h41 Procurador-geral do município realiza balanço das atividades do ano de 2014 20h20 Jogos abertos de Teresina é lançado e envolverá várias modalidades esportivas 19h43 Governador decreta ponto facultativo dias 26 e 31 de dezembro; saiba mais 19h17 Gestores do PI se reúnem para discutir novo 'Plano de Contas' para ano 2015 18h33 Justiça do PI determina fornecimento de medicamentos a pacientes do SUS 18h32 Classificatório do Ifpi 2015.1 registrou cerca de 18 mil inscritos para o exame 18h30 Modelo piauiense Laís Ribeiro, faz fotos quentíssimas de lingerie; veja 18h02 Aos 20 anos, Medina realiza sonho de infância e diz que quer mais títulos 18h02 Homem é preso tentando bota fogo em casa para matar a própria família; fotos 18h01 Juíza do Piauí acata pedido de nulidade de eleições sindicais; entenda 18h01 Após vitória de 'Magazon' e polêmicas, eleição da Câmara pode mudar a forma
GUIA DOS PARLAMENTARES II
CNH

Mais Lidas

    Enquete

    O piauiense Luis Henrique foi o terceiro colocado no 1º MasterChef Brasil. Você concorda com a vitória de Elisa?

    Total de Votos: 198

    Válida de 17/12/2014 a 24/12/2014

    180graus no Instagramno Instagram