180graus

Homofóbico igualzinho ao pai - 30/06/2011 às 01h10

Filho de Bolsonaro fala no Twitter: 'Chupa viadada'; entenda a briga

'Viva a Liberdade de Expressão. Parabéns Brasil', escreveu, comemorando salvação do pai

Maria Brasileira - Limpeza e cuidados
Venha para o Hotel Delta em Parnaíba
Você no controle do Processo

"CHuUuuupa Viadada" (sic). Assim o vereador do Rio Carlos Bolsonaro (PP) comemorou nesta quarta-feira, pelo microblog Twitter, o arquivamento da representação contra seu pai, o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), no Conselho de Ética da Câmara.

A representação contra Bolsonaro, de autoria do PSOL, dizia que ele foi racista ao responder uma pergunta feita pela cantora Preta Gil, durante o programa "CQC", da TV Band, em março.

Ao ser questionado qual seria a reação dele se seu filho se apaixonasse por uma negra, o parlamentar respondeu: "Preta, não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Eu não corro esse risco e meus filhos foram muito bem educados. E não viveram em ambiente como lamentavelmente é o teu".

"CHuUuuupa Viadada. Bolsonaro absolvido!!!! Viva a Liberdade d Expressão. Parabéns Brasil! [sic]", afirmou Carlos Bolsonaro em seu perfil no Twitter.

O parlamentar postou diversos outros comentários, rebatendo as críticas que recebeu dos internautas: "Desejar minha morte é o menor dos elogios q tenho lido no twitter. Rs! Pregam a Liberdade d Expressão, só a deles, a minha ñ. Ditadura Gay!"; "Atenção Boiolas, p/ infelicidade d vcs, eu sou hétero!".

REJEITADO
Por 10 votos a 7, o Conselho de Ética da Câmara rejeitou hoje a representação contra Jair Bolsonaro. A maioria dos integrantes do colegiado entendeu que o deputado tem o direito de expressar a sua opinião e portanto votou contra o relatório de Sérgio Brito (PSC-BA), que pedia a abertura do processo. Durante a sessão, Bolsonaro trocou acusações com Jean Wyllys (PSOL-RJ) e Chico Alencar (PSOL-RJ).

Wyllys disse que Bolsonaro tinha que limpar sua boca para lhe dirigir a palavra. "Tenho orgulho de ser chamado de veado por outro veado. E o sr. tem que lavar a boca, pois sou homossexual com "h" maiúsculo, de homem, coisa que o sr. não é", afirmou. Os gays chegaram a dizer: "Filho de homofóbico, homofóbico é".

Wyllys disse que Bolsonaro usou da homofobia, que não é crime, para justificar o crime de racismo.

Além da fala no "CQC", outro fato citado na representação foi a briga entre Bolsonaro e a senadora Marinor Brito (PSOL-PA), na Comissão de Direitos Humanos do Senado.

Após a retirada do projeto que criminaliza a homofobia da pauta de votação, enquanto a relatora da proposta, Marta Suplicy (PT-SP), concedia entrevista à imprensa, Bolsonaro exibiu um panfleto contra a ampliação dos direitos dos homossexuais, o que irritou Marinor, que chegou a bater na mão do deputado.

Marinor tentou impedir que Bolsonaro exibisse o panfleto e o chamou de homofóbico, o que acabou resultando em discussão.

Jean Wyllys deixou o Conselho logo após a polêmica, mas Chico e Bolsonaro chegaram a trocar ofensas. O representado chamou o colega do PSOL de "mentiroso, imoral". "Vou tirar você [Chico] do armário", disse Bolsonaro.

"Tá nervoso é? Isso é diversionismo", respondeu Chico Alencar.

Sérgio Brito, relator do caso, se disse surpreso e lamentou o fato de a atitude de Bolsonaro poder continuar a mesma, sem nenhum tipo de punição.

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


CFO - MA - Vem pro Podium!
Revisão Atualidades
Mestrado em Políticas Públicas | Vem pro Podium
PM-MA - Vem pro Podium!
Últimas Notícias
23h54 Cocal de Telha sedia seminário do PNAIC com presença de 5 municípios 21h03 Acidente entre motos em estrada vicinal deixa 2 mortos 20h35 Receita Federal alerta para o envio de falsas intimações pelos Correios 20h32 Projeto de Ciro prevê qualificação profissional para adolescentes em abrigos 20h29 Promotoria visita Cabral e encontra antidepressivos em excesso na cela 20h15 Prefeitura de Bom Princípio do PI abre Seletivo para 10 gavas; confira o edital 20h11 Prazo da Base Nacional para alfabetização de crianças pode ser revisto pelo CNE 20h08 Seminário apresentará propostas de requalificação do Centro de Teresina 19h55 OMS diz que epidemia de cólera no Iêmen é a pior do mundo 19h36 Dia “D” contra a Dengue é realizado em Campo Largo do Piauí 19h26 Atlético Vermelhense perde e é vice-campeão da Liga Maior de Futsal em Campo Maior – PI 18h10 Prefeito de Avelino Lopes asfalta mais uma rua 17h40 Professor Benigno Soares ministra curso de oratória no Galaxy; fotos! 17h34 Serviço social de Colônia do Gurgueia em ação 16h04 Ator Fábio Assunção é preso por dano ao patrimônio público e desacato; veja 15h49 Política de Trump produz mais prisões de imigrantes e 'reduziu deportações' 15h26 Seleção Brasileira é convocada para confronto contra Portugal 15h18 Família e amigos de jovem vítima de feminicídio em THE exigem justiça 15h04 Marcelo Rezende grava mensagem de gratidão e de fé pela 'cura do Câncer' 14h55 Em tentativa de assalto, criminosos atiram em ônibus de Francis Lopes 14h53 Gilmar Mendes será relator de um dos inquéritos sobre Aécio Neves no STF 14h25 Campeonato Brasileiro 2017: Santos e Sport prometem grande jogo hoje (24) 14h18 Investimento público federal em transportes caiu 6,1% em seis anos 13h56 Ex-BBB Juliana Goes anuncia nas redes sociais primeira gravidez 13h43 Atirador mata terrorista do EI com disparo a 3,5 km de distância

Mestrado em Políticas Públicas | Vem pro Podium
Escola de Sargentos - Vem pro Podium!

Mais Lidas


    Enquete

    Você acredita que Michel Temer vai...

    Total de Votos: 290

    Válida de 2017-05-29 15:46:00.0 a 2017-06-05

    Podium - Professor Atualidades

    180graus no Instagramno Instagram

    Podium - Professores Dir. Constitucional