180graus

Dados divulgados pelo CNJ - 15/01/2014 às 09h29

CNJ mostra que número de presos no Brasil aumentou para 584 mil em 2013

Aumento foi 6,56% desde dezembro de 2012, quando o número de presos era de 548 mil

comserv
Hotel Delta - Semana Santa
Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas
Terrazzo Poti
Islamar-Semana Santa





No ano passado, 36 mil homens e mulheres engrossaram a população carcerária brasileira, que atingiu, em dezembro de 2013, o total de 584 mil detentos, segundo o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça. O aumento foi 6,56% desde dezembro de 2012, quando o número de presos era de 548 mil.

Já em relação aos últimos cinco anos, o aumento foi de 29,42% a partir de 2008, quando o Brasil tinha 451.219 presos. Desde então, 132.781 pessoas ingressaram no sistema carcerário nacional.

O novo contingente de presos no país foi divulgado no último dia 10, em matéria publicada no site do Ministério da Justiça sobre os diferentes tipos de unidades prisionais. O texto, porém, não traz a atualização do número de vagas nas unidades prisionais. Na página do ministério na internet, o último dado disponível é de dezembro de 2012, quando havia apenas 310.687 vagas para um total de 548 mil presos. Ou seja, um déficit de 237.313 vagas.

Ainda segundo os dados de 2012, quase metade da população carcerária (48,9%) era de condenados e acusados por crimes contra o patrimônio, como furto, roubo, extorsão, receptação e estelionato. Outros 25,21% estavam presos por tráfico de drogas.

Por outro lado, apenas 11,81% se encontravam presos, em 2012, pelos chamados crimes contra a pessoa, como homicídio, sequestro e cárcere privado. Isso em um país onde a taxa de homicídios é de 29 por 100 mil habitantes, muito superior à média mundial, de 8,8 por 100 mil, segundo a Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp), executada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e o Ministério da Justiça.

ONU- Relatório do Grupo de Trabalho sobre Detenção Arbitrária (GTDA) da Organização das Nações Unidas (ONU), que visitou o Brasil em março de 2013, atesta que o uso excessivo da prisão é uma das principais causas da superpopulação carcerária do país. Segundo o documento, isso ocorre em função da baixa aplicação, pelo Poder Judiciário, de medidas cautelares substitutivas à prisão, previstas na Lei 12.403, em vigor desde julho de 2011.

“Apesar de a emenda ao Código de Processo Penal em 2011 permitir a aplicação de medidas alternativas à detenção, o Grupo de Trabalho observou que não houve redução substancial no uso da detenção desde a introdução da emenda”, diz o relatório do GTDA.

“Nos casos em que medidas como fianças são aplicáveis, detentos não têm condições de arcar com a quantia necessária. O Grupo de Trabalho tomou conhecimento de que a privação de liberdade era imposta mesmo em situações em que o delito era considerado de menor gravidade, como furtos não violentos ou o não pagamento de pensão alimentícia, o que desperta sérias preocupações quanto à aplicação do princípio de proporcionalidade”, critica o documento.

O GTDA também apontou como causa da superpopulação carcerária a lentidão na tramitação dos processos, o que leva muitas pessoas a ficarem presas por tempo superior ao necessário. “O Grupo de Trabalho foi recorrentemente informado que o acúmulo de casos nos tribunais causa atrasos substanciais e sérios para os julgamentos. Apelos a tribunais superiores também demoram um longo período para serem apreciados”, avaliou o GTDA.

O relatório também enumerou iniciativas consideradas importantes para a prevenção e o combate às prisões ilegais. O Mutirão Carcerário do CNJ, por exemplo, é citado no seguinte trecho: "O Grupo de Trabalho observou ainda a existência de boas práticas que possuem o potencial de ser reforçadas, com vistas à maior proteção do direito de não ser privado de liberdade arbitrariamente. Incluem-se aí instituições já existentes, como o Mutirão do Conselho Nacional de Justiça, que visita prisões e auxiliou, em anos anteriores, na libertação de vários detentos que estavam ilegalmente presos. Mutirões independentes similares poderão ser úteis na proteção contra detenção arbitrária se forem estabelecidos em nível estadual".

Fonte: Com informações da Assessoria

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Preratório PM-PI
Terrazzo Poti
Antônio das Neves - Peritos Associados
Últimas Notícias
20h29 Número de usuários de TV por assinatura volta a cair em fevereiro 20h22 Marca Suzuki realiza recall de 4,7 mil veículos Grand Vitara; confira! 20h21 Venda do energético D Dopamina Mindful Drink é suspensa 20h14 Mainha diz que W.Dias vai reunir prefeitos para confirmar voto em Ciro 20h10 Vendas do varejo devem cair 3,6%, mas tendência é de recuperação, diz entidade 20h09 João Henrique aproveita reunião para dizer que continuará fazendo oposição 20h09 THE: Avenidas são preparadas para a implantação das faixas exclusivas 20h09 Bingo Beneficente acontecerá para ajudar Eline Marques 20h08 Prefeitura de Pedro II inicia cadastramento de imóveis para receber turistas 20h08 Barcelona terá nove jogos decisivos na luta do titulo 20h06 Prefeitura no MA encerra na terça-feira (28) as inscrições de Processo Seletivo 19h54 Tribunal Regional Eleitoral julga como não prestadas as contas do PCO e PPL 19h37 Escola é arrombada e bandidos levam toda a merenda escolar 19h35 Prefeito Paulinho marca presença em reunião com prefeitos do Extremo Sul do PI 19h33 Prefeito Onelio participa de encontro com prefeitos no Extremo Sul do Pi 19h30 Ciro Nogueira trabalha para liberar R$ 600 mi para estradas... de Goiás 19h29 Prefeito Eduardo Henrique marca presença em evento dos municípios do extremo sul do Piauí 19h25 Chape embala terceira vitória seguida se tornando líder neste segundo turno 19h25 Companhia JBS retoma o abate de carne bovina nas suas unidades 19h23 Saldão de Pisos Engipec descontos de até 40% 19h19 Theatro 4 de Setembro revitaliza e inaugura sala cenotécnica 19h18 Relatório da CGU afirma que ocorre falhas no 192 do SAMU de Teresina 19h09 Ney Franco é contratado como novo técnico do Sport nesta segunda (27) 19h09 Dia 31 de Março tem Voz e Violão no Brizolas Bar 19h05 Ariano Messias marca presença em reunião para decidir nova sede da Ames

Antônio das Neves - Peritos Associados
Elegante é ter você em nossa companhia!
Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas

Mais Lidas


    Enquete

    Qual foi o melhor carnaval do Piauí em 2017?

    Total de Votos: 1244

    Válida de 2017-03-02 09:43:00.0 a 2017-03-23

    comserv

    180graus no Instagramno Instagram