180graus

Crise brasileira - 21/04/2017 às 14h17

É preciso mais que a greve de 28 de abril, que prejuízos daremos aos parlamentares usurpadores?

É preciso mais que a greve de 28 de abril.

O estágio em que se encontra o Brasil é extremamente preocupante e perigoso.

A democracia precisa ser reestabelecida e as instituições têm que voltar à normalidade.

O Congresso brasileiro quase todo teve sua eleição financiada por empreiteiras e outras grandes empresas.

O ex-presidente da Câmara Eduardo Campos foi um dos responsáveis por arrecadar recursos e destiná-los a diversos candidatos pelo Brasil, que após eleito, votaram conforme determinação do agora presidiário Cunha. Informações dão conta que aproximadamente 200 deputados deviam favores à Cunha.

Agora, Temer confessa o golpe dado em Dilma que contrariou Eduardo Cunha.

Mas a mídia brasileira (um clássico caso de concentração econômica) não dá ao escândalo confessado por Temer o destaque devido. Ao contrário, seu personagem preferido é Lula e o triplex e o sítio. Para esses batidos temas são intermináveis minutos de telejornal.

Enquanto um usurpador confessa um golpe de Estado, o Supremo Tribunal Federal decide sobre quem é o campeão brasileiro de 1987. É um escárnio.

A democracia no Brasil não será restaurada apenas pela via institucional. Aliás o cenário de 2018 é sombrio, talvez nem haja eleições.

O cenário de ruptura da democracia exige reações fora da institucionalidade. O economista Márcio Pochmann, professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), pensa assim.

Para ele, "Não tem saída institucional e nem tradicional. Os que deram o golpe não entregarão pela via democrática. A democracia no Brasil é uma exceção, a regra é o autoritarismo. Em mais de 500 anos de história, temos 50 de democracia".

Sendo assim, então, o que fazer?

Pochmann aponta a necessidade de ir além de denunciar e reagir. "Se quisermos uma eleição democrática em 2018, precisamos radicalizar. O que nós vamos impor de prejuízo a eles? Se nós não impusermos prejuízo a eles, nós não avançamos. Não estou defendendo a ruptura democrática, porque ela já houve. [...] Quanto mais você se abaixa, menos você se levanta".

Somente de passeata em passeata são praticamente nulas as chances dos democratas e da esquerda virarem o jogo.

A greve geral marcada para o dia 28 deste mês é bem vinda. Mas ainda é pouco.

É preciso testar novas modalidades de enfrentamento.

É preciso tirar deputados e senadores do conforto em que se encontram.

Alvejados por toda sorte de acusações de desvio de dinheiro público, um sem número de parlamentares da base do governo insiste em votar sobre pau e pedra as reformas que liquidam direitos e conquistas sociais.

A questão é clara : esse Congresso não tem legitimidade para impor sacrifícios ao povo.

congresso tomado.jpg

Duvido que os deputados passariam o rolo compressor para acelerar a tunga de direitos se o Congresso fosse cercado permanentemente por uma multidão de insatisfeitos com o que se passa ali dentro e com dezenas de milhares de acampados a pressioná-los dia e noite.

Deputados, presidentes não são 'representantes' do povo. Por isso, uma verdadeira democracia deveria ter, ao lado dos Poderes Executivo e Legislativo, a figura da assembleia popular a ratificar leis e apor seu aceite ou sua recusa. O povo deve ter as estruturas institucionais que lhe permitam continuamente se defender de quem procura lhe roubar o poder.

 

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


CFO - MA - Vem pro Podium!
Mestrado em Políticas Públicas | Vem pro Podium
PM-MA - Vem pro Podium!
Últimas Notícias
08h57 Acusado de tráfico é preso de novo por receptação de baterias no Piauí 08h33 Acadêmicos de Campo Largo fazem estágio supervisionado em educação física nas escolas da sede 08h20 Caixa Econômica Federal libera R$ 600 milhões para obras no Estado do Piauí 08h09 Adolescente de 17 anos é morta com vários tiros no Piauí 08h07 Caminhão que transportava gerador tomba em rodovia no interior do PI 08h07 Bruno Gaglisso e Giovanna Ewbank planejam adotar uma criança brasileira 07h53 Senadores da oposição cobram adiamento da votação da reforma trabalhista 07h36 Cresce o número de idosos que pretende continuar ativos no mercado de trabalho 07h32 Polícia Federal suspende emissão de passaportes por tempo indeterminado 06h00 12º Aniversário do Centro Espírita Chico Xavier em Esperantina 04h52 Mulher sofre infarto e morre dentro de motel na cidade de Campo Maior 01h33 Delegação do Piauí embarca para Interfederativo de Natação 23h16 Prefeito de Campinas do Piauí compareceu a reunião técnica na APPM nesta terça 23h11 Prefeito de Uruçuí compareceu a reunião técnica na APPM nesta terça 23h05 Prefeito de Santa Filomena compareceu a reunião técnica na APPM nesta terça 22h59 Prefeito Ângelo conquista mais benefícios para Sebastião Leal 22h50 Polícia Federal suspende a emissão de passaportes 22h28 Operação Pastor: há ex-gestor que é aconselhado a delatar se for preso 22h16 Após operação da PF há muito medo na região de São Raimundo Nonato 22h00 Preso pela PF, Décio Macêdo possui conduta reiterada para o crime; veja 20h40 32ª Vaquejada de Paraibano 20h29 Audiência sobre Homicídio do Professor Manim 20h26 Parada LGBT 2017 20h09 Prefeito de Nazária compareceu a reunião técnica na APPM nesta terça 20h09 Residencial e Loteamento Vale do Amanhecer

Escola de Sargentos - Vem pro Podium!
Mestrado em Políticas Públicas | Vem pro Podium

Mais Lidas


    Enquete

    Você acredita que Michel Temer vai...

    Total de Votos: 290

    Válida de 2017-05-29 15:46:00.0 a 2017-06-05

    Podium - Professor Atualidades

    180graus no Instagramno Instagram

    Podium - Professores Dir. Constitucional