180graus

Audiências públicas - 24/01/2014 às 03h01

Semar realiza audiências para instalação do Complexo Eólico Chapada do Piauí

As audiências foram realizadas junto à população das cidades de Marcolândia, Simões e Padre Marcos

Negócios ou lazer em Parnaíba?
MEU BLOG
MEU BLOG
Alugue quitinete em Luis Correia
comserv





A Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Piauí (Semar) está realizando, desde a última segunda-feira (20), audiências públicas para discutir junto à população das cidades de Marcolândia, Simões e Padre Marcos, o estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (Rima) do Complexo Eólica Chapada do Piauí, a ser implantado na região dos três municípios, situados na Chapada do Araripe, na divisa dos estados do Piauí, Ceará e Pernambuco.

O superintendente do Meio Ambiente da Semar, Carlos Moura Fé, está representando o secretário Dalton Macambira nas audiências, esclarecendo todas as exigências legais para implantação do complexo. “Para um empreendimento desta natureza, as audiências são a oportunidade para que a população possa tirar suas dúvidas sobre a atividade que se pretende realizar nestas três cidades”, ressalta Moura Fé.

O processo de licenciamento ambiental passa por três etapas. A fase de licença prévia identifica se o local onde a empresa pretende se instalar é viável ou não do ponto de vista ambiental; a licença de instalação, que autoriza a empresa a iniciar a atividade que se propõe; e a licença de operação autoriza a empresa a iniciar o seu funcionamento. Os empreendedores do Complexo Eólico Chapada do Piauí são: Ventos de Santa Joana Energias Renováveis e Ventos de Santo Onofre Energias Renováveis, tendo como desenvolvedores Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf ), Contour Global e Casa dos Ventos.

O empreendimento será composto por 14 parques eólicos com potência total instalada de 415,10 MW (Megawatt). Em cada parque serão instalados entre 15 e 17 aerogeradores, que produzirão em média 30MW de energia em uma área de 4.997 hectares. Essa energia será escoada através de linhas e transmissão para o sistema Nacional de Energia que a distribuirá para os consumidores. O investimento é da ordem de R$ 1,5 bilhão e o prazo previsto para a implantação é de 18 meses, a contar da data de emissão da Licença de Instalação do empreendimento. Estima-se a geração de 680 empregos diretos.

De acordo com o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) apresentado pela empresa de consultoria Geoconsult, o Complexo Eólico apresenta-se bem concebido em termos técnicos, econômicos e ambientais, sendo viável sua implantação e operação. Foram feitas apenas algumas recomendações visando à integração do empreendimento com o meio ambiente para que sejam minimizados os impactos ambientais, além da adoção de programas de controle específicos em caráter permanente. Sugere-se, por exemplo, um Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, Programa de Controle de Efluentes, Programa de Controle de Desmatamento, Programa de Educação Ambiental e um Programa de Recuperação das Áreas Degradas.

Atualmente a energia eólica representa 3% da matriz energética brasileira, estando na quinta colocação do ranking. Em primeiro lugar aparecem as hidrelétricas, que somam 68% do total. Na quarta posição, a energia produzida através dos derivados do petróleo (6%), seguido pelo gás natural (3%). E em segundo lugar aparece a biomassa, com 9% do total produzido.

Fonte: Com informações da CCOM

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


podium
Terno e Cia
MEU BLOG
podium
Marquinhos do Pará
Últimas Notícias
07h17 Gene Cernan, último homem a andar na Lua, morre aos 82 anos 07h11 Repórter da Globo News é atacada ao vivo na frente de presídio 06h00 Curso de Dialogadores no Centro Espírita Semente Cristã 21h20 Jovem é preso suspeito de realizar assaltos a motos no município de Oeiras 20h38 Morte de jovem gay eleva mistério após novos depoimentos 20h03 Bandidos roubam malote de dinheiro de funcionários da empresa Babylândia 19h46 Neste Domingo tem mais uma Festa no Bar da Lagoa 19h43 Bloco Uh Papai Chegou 2017 19h41 Residencial e Loteamento Vale do Amanhecer 19h28 Bye Bye Férias 19h24 Estado faz 'ouvido de mercador' sobre caos nos presídios 18h35 Prefeitura de Água Branca forma comissão para acompanhar atividades de alunos aprovados no IFPI 18h17 Apontado como chefe de grupo que fraudou concurso se entrega à Civil 18h08 Fazer exercício apenas no fim de semana? Veja os benefícios 18h00 Moradores reclamam de lixo e risco de proliferação do mosquito da dengue 17h51 Promotor irá denunciar oito pessoas de participação na morte de policial 17h51 Prática de aluguel de carros se populariza entre turistas no Brasil 17h50 Grupo de Intervenção Prisional e Tropa de Choque montam base nos presídios de Teresina 17h42 Na Venezuela, iPhone custa quase US$ 100 mil; veja ranking 17h36 Destinado a empreendedores, Movera está funcionando no Espaço da Cidadania 17h23 Seleção de União segue em busca de classificação na Copa Norte de Futsal 17h19 Como será o prédio de 5 km de altura que combate a poluição 17h13 Inep decide antecipar divulgação do resultado do Enem para quarta (18) 17h04 13 áreas: Pós-graduação à distância da 'Uespi' obteve mais de 9,5 mil inscritos 17h01 Na Funasa, Dr. Heli assina termo para levar emenda parlamentar para cidade

Laurice - Projetos
Terno e Cia
MEU BLOG
Hospede-se no Islamar

Mais Lidas


    Enquete

    Você concorda com a decisão da Prefeitura de Teresina em não bancar os desfiles das escolas de Samba?

    Total de Votos: 290

    Válida de 2017-01-09 14:36:00.0 a 2017-01-16

    comserv
    Casa do cartucho
    Negócios ou lazer em Parnaíba

    180graus no Instagramno Instagram

    Negócios ou lazer em Parnaíba