180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

Campo Maior
Agua Branca
Riacho Frio
CasteloDoPiaui
Picos
Curimata
Beneditinos
Urucui
Floriano
Cajueiro da Praia
Paulistana
BuritiDosLopes

A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Publicado Por: Fábio Carvalho

Últimas Notícias
14h41 Vai viajar,então conheça na Ladeira do Uruguai ponto de venda de passagens o Josué,veja detalhes 14h30 Paes Landim fala de suas propostas para o Piauí durante entrevista 14h20 David Luiz prega humildade e quer o 'velho PSG' de volta nesta temporada 14h19 Igreja Batista Nacional Nova Filadelfia realizará manhã abençoada no dia das crianças 14h09 Morre jovem filmada por traficantes durante sessão de tortura em favela 14h08 No seu município, veja o calendário de pagamento do programa BOLSA FAMÍLIA 2014 14h06 Sambaíba recorre, mas fica de fora do debate na TV Clube; ele e mais 2 14h01 Jornalistas tiram dúvidas no TRE-PI sobre cobertura do dia das eleições 13h54 Aluísio Martins, Margarete e Elmano fazem 'corpo a corpo' em Campo Maior 13h49 DELEGADO passa bem e poderá receber alta nesta quarta 13h45 Educadores das séries iniciais participam de workshop em linguagem e matemática 13h37 OAB pede ao TSE a cassação de registro de Levy Fidelix por ofensas a gays 13h35 Governadora Roseana entrega USC do Coroadinho nesta terça (30), às 15h30 13h30 Candidato à câmara federal, Paes Landim fala de suas propostas para o Piauí durante entrevista 13h24 Polícia indicia quatro torcedores do Grêmio por injúria racial contra Aranha 13h20 Juiz Rodrigo Terças é titularizado na Turma Recursal de Chapadinha 13h18 Cientistas criam dispositivo que funciona como 'capa da invisibilidade' 13h13 Candidato Responde: Zé Carvalho quer trabalhar por desenvolvimento 13h13 Zilu vai à delegacia chorando após posts de Zezé na internet:'Chateada' 13h12 Chapa Única: Cesarino fica até 2018 no comando do futebol profissional 13h11 Candidato Responde: Paes Landim quer estruturar a Serra da Capivara 13h10 Famílias iludidas com o Projeto da Mamona no Piauí agora querem as terras 13h04 Um em cada três homens tem nojo de fazer sexo oral na parceira, diz pesquisa 13h03 Inovação no setor hoteleiro chegará em condomínio de luxo no Piauí 13h02 Museu da Arte Sacra de Oeiras participa da 8ª Primavera dos Museus
pesquisaNova

Enquete

Entre as 10 mais conhecidas, qual praia do litoral do Piauí você considera a mais bonita?

Total de Votos: 597

Válida de 27/09/2014 a 04/10/2014

Mais lidas

    180graus no Instagramno Instagram