180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

COLEGIO CEV
BRVOX VAGA
Kangaco Show
Casa na praia
GUIA DOS PARLAMENTARES II





A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Publicado Por: Fábio Carvalho

Últimas Notícias
18h01 Carnaval 2015: Bloco "Mi Interna na Kuarta" contará com 380 participantes 17h48 Carreta de empresário oeirense vira próximo ao povoado Contentamento 17h48 BANDIDOS explodem Bradesco no Piauí e fogem em Siena 17h45 Incêndio atinge uma das maiores bibliotecas russas em Moscou 17h44 River apresenta seu novo uniforme para a temporada 2015 17h34 Justiça declara braço armado do Hamas no Egito como 'terrorista' 17h28 Manifestação #contraoaumento está marcada para a segunda-feira, dia 2 17h27 População de Gilbués fecha BR-135 por seis horas e invade a prefeitura 17h21 Prefeitura de Uruçuí realiza reforma e ampliação da Escola Rosilda Borges 17h08 IFPI/Pedro II faz Chamada Pública para vagas no curso Técnico em Meio Ambiente 17h02 Grupo Matizes cobra à Polícia solução de crimes contra pessoas LGBT no PI 16h43 Vaticano admite 2 casos internos de posse de pornografia infantil em 2014 16h36 Neuma Café nomeia novos servidores e anuncia novas convocações 16h28 Milhares marcham na Espanha contra austeridade econômica 16h12 Manifestação contra o 'Charlie Hebdo' termina com 7 feridos 15h58 Confirmado vendas de ingressos:São José estreia no Maranhense no Dario Santos em Ribamar 15h57 Juiz Sergio Mattarella, de 73 anos, é eleito para a Presidência da Itália 15h39 Homem é perseguido e sofre tentativa de homicídio em frente ao Hospital Regional de Bom Jesus 15h34 Prefeitura de Miguel Alves encerra campanha Todos na Escola 15h31 Oito municípios devem ficar sem água no estado do Ceará 15h16 TV Verdes Mares celebra 45 anos com show de Padre Marcelo Rossi 14h52 Corra para o posto! Hoje é o último dia para abastecer o carro sem aumento na gasolina 14h32 Dilma precisa explicar o que sabia sobre Petrobras, diz jornal da Inglaterra 14h06 Deputados tomam posse e elegem diretora da Assembleia Legislativa 13h57 Conflitos deixam 15 soldados mortos em região separatista na Ucrânia
CURSO DE INGLES
CNH

Mais Lidas

    Enquete

    Das seguintes obras que estão paradas, qual deve ser concluída com maior urgência?

    Total de Votos: 361

    Válida de 29/01/2015 a 05/02/2015

    180graus no Instagramno Instagram