180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

Casa do Cartucho
Vestibular
Kangaco
Kangaço

A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Publicado Por: Fábio Carvalho

Últimas Notícias
20h29 Suspeito apedreja caminhoneiro em tentativa de assalto 20h18 Secretaria de Educação faz reunião com todos os professores para discutir a jornada de trabalho 20h02 Revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio-Enem 2014 20h01 Envolvidos no caso Telexfree têm bens bloqueados pela Justiça 19h50 Após encarada na pesagem, Aldo promete: 'Cinturão vai ficar aqui' 19h31 NOTA DE FALECIMENTO 19h30 Drica Moraes passa mal durante gravações da novela 'Império' 19h06 FUNCIONÁRIA de padaria é baleada durante assalto no PI 19h03 Serial killer de GO: vigilante ameaça detentos em presídio onde está preso 19h02 Fio cai, mata animais na zona rural e fica no chão por mais de doze horas 20h29 Microsoft Lumia é revelado em imagem oficial sem a marca Nokia 18h49 Polícia Rodoviária Federal apreende carreta com madeira sem nota fiscal 18h46 Coligação de Dilma quer matéria sobre Alberto Youssef fora até do Facebook 18h41 Dubai oferece ouro para quem trocar carro por transporte público 18h35 Após imagem falsificada, Neymar grava vídeo em apoio a Aécio, assista! 18h27 Executivo do Google quebra recorde de queda livre e ultrapassa barreira do som 18h25 Prefeitura de Oeiras realizada palestra sobre Regime de Previdência Privada Social 18h19 Prefeitura de Oeiras realiza visitas ao Povoado Mucambo na zona rural 18h01 Zé Filho e Robert são multados pelo TRE do PI por propaganda irregular 18h00 1 em cada 3 profissionais se demite por estagnação ou desestímulo 17h49 MPMA realiza curso sobre elaboração de termos de referência 17h48 Aluno dispara dentro de escola no estado de Washington; dois morrem 17h48 Roberto Carlos veta legendas em livro e chora com foto de Maria Rita 17h36 SSP promove encerramento do Curso de Intervenção em Estabelecimentos Penais 17h32 Sejap inspeciona obras de núcleos e oficinas de panificação na UPR do Olho d’Água
TRE

Mais lidas

    Enquete

    Na sua opinião, dos novos deputados estaduais eleitos, qual realizará o melhor trabalho?

    Total de Votos: 1,215

    Válida de 21/10/2014 a 28/10/2014

    180graus no Instagramno Instagram