180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

comserv
Islamar-Semana Santa
Terrazzo Poti
Hotel Delta - Semana Santa
Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas





A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Terrazzo Poti
Preratório PM-PI
Antônio das Neves - Peritos Associados
Últimas Notícias
20h42 EugenioShow apresenta a família Batista, conhecida como 'Caburé' 19h25 Procissão e missa de encerramento dos Festejos de São José na cidade de Paes Landim 18h05 Gerente é rendido e agência dos Correios é alvo de assalto 17h58 Rapaz que sofreu acidente de moto está a 3 meses no hospital de S. Mendes e pede ajuda 17h44 Homem compra carro e veículo pega fogo no caminho de casa 17h43 Concurso para Corpo de Bombeiros no PI é anulado após investigações 17h32 Estudo: contágio de dengue ocorre a até 200 metros de casa 17h32 Prefeito Ribinha empossará nesta sexta-feira novos secretários e superintendentes 17h31 Obra da Prefeitura de Teresina demora tanto que milharal cresce em canteiro 17h25 Dudu diz que PL da terceirização é o 'sepultamento dos concursos públicos' 17h16 Supremo nega recurso de Lula para suspender processo da Lava Jato 17h12 Seduc retifica o Seletivo para Técnicos de nível Médio, Superior e Professores 17h12 Senador diz que Câmara aplicou 'golpe' ao aprovar terceirização irrestrita 17h11 Prefeito e comitiva vistoriam prédio onde será instalada a Companhia de Polícia 17h10 MEC analisará contribuições para novo currículo do ensino médio; saiba mais! 17h05 Dupla faz arrastão dentro de ônibus no centro de Teresina 16h50 Marcelo defende 'lista fechada' e diz que políticos fazem campanha pra si 16h45 Água Branca revela novos talentos no futebol 16h43 Dois jogos e 100% de aproveitamento Rio Negro segue se mantendo no jogo 16h36 Formandos em Administração pela UFPI de Picos colam grau 16h33 Divulgada a programação do aniversário de 53 anos da cidade de Bocaina 16h24 Secretária das cidades anuncia 10 milhões em pavimentação; Pajéu será beneficiada 16h02 Com investimento de 10 milhões de secretária;Santo Antonio de Lisboa entra na lista 16h01 Água Branca participa de reunião da CIR do Território Entre Rios 16h00 Secretaria das Cidades investe 10 milhões em pavimentação; Luis Correia foi beneficiado

Elegante é ter você em nossa companhia!
Tintas e Tonners compatíveis com várias marcas
Antônio das Neves - Peritos Associados

Mais Lidas


    Enquete

    Qual foi o melhor carnaval do Piauí em 2017?

    Total de Votos: 1239

    Válida de 2017-03-02 09:43:00.0 a 2017-03-23

    comserv

    180graus no Instagramno Instagram