180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

Maria Brasileira - Limpeza e cuidados
Você no controle do Processo
Teresina Participativa





A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Terrazzo Poti
Teresina Participativa
Podium PMPI
Últimas Notícias
00h10 Texto base da reforma trabalhista é aprovado pelo plenário da Câmara 00h05 Rodovia de acesso à Colônia do Gurguéia foi pauta de audiência 22h58 Firmino diz que gestão precisa estar antenada com necessidade do povo 20h42 Município de Paes Landim manda representantes ao Fórum Regional de Politicas Pública 19h49 Seriedade e Compromisso por parte do Poder Publico 19h46 Secretário de Saúde de Paes Landim Roberto Lucas firma parceria com o CAPS de São João - PI 19h30 Deputados federais do Piauí são PROCURADOS através de cartazes ao estilo velho oeste americano 19h13 Audiência |Pública trata da segurança em Alto Longá. 18h56 Mais Famílias são beneficiadas em Paes Landim pelo o PAA 18h51 Sexta-Feira Vai está a Venda Pulseiras para o Evento Blitz Sua Parada Obrigatória Segunda Temporada 18h38 Neste Sábado tem Voz e Violão no Brizolas Bar 18h29 Realizado Reunião em Pastos Bons 18h21 Loteamento Vale do Amanhecer 18h15 Joice Hasselmann receberá de Mão Santa uma 'medalha do mérito'; veja 18h12 6ª Companhia PM Independente Contempla Mais Uma Cidade do Médio Sertão Com O PROERD 17h56 TCE autoriza os novos prefeitos a parcelarem débitos previdênciários 17h54 Restaurante e Lanchonete Bom Gosto 17h52 Brasil ocupa posição 103 no ranking de liberdade de imprensa 17h49 Construsonhos Imobiliária 17h47 PI: ex-funcionários de banco são investigados por fraudes 17h40 Realizado Reunião sobre Poluição Sonora 17h27 Loteamento Vale do Amanhecer 17h25 Dupla assalta moto fan à mão armada em Barras 17h23 Paratleta Luis Alves conquista o segundo lugar em competição 17h19 Escola de Campo Maior recebe beneficio da deputada Rejane Dias

Teresina Participativa

Mais Lidas


    Enquete

    Você aprova a decisão da CCJ do Senado em diminuir as vagas para deputados piauienses?

    Total de Votos: 817

    Válida de 2017-04-06 17:08:00.0 a 2017-04-30

    Teresina Participativa
    Teresina Participativa

    180graus no Instagramno Instagram