180graus

Ampliando os direitos - 06/06/2013 às 17h14

Comissão aprova a regulamentação da Lei das Domésticas

Texto ainda precisa ser analisado pelos plenários do Senado e da Câmara

VANGUARDA
ISLAMAR
COLEGIO CEV
GUIA DOS PARLAMENTARES II
GM TAXA ZERO
Anilson Feitosa - Kangaco
INOCOOP
MELHORES IMOVEIS





A comissão especial do Congresso Nacional que discute a regulamentação da emenda constitucional que amplia os direitos de empregados domésticos aprovou nesta quinta-feira (6) o relatório que regulamenta os sete itens do texto que ficaram em aberto após a promulgação. Para virar lei, o projeto de regulamentação ainda precisa passar pelos plenários do Senado e da Câmara, antes da sanção da presidente Dilma Rousseff.

A aprovação ocorreu mais de dois meses após a promulgação pelo Congresso da emenda que ficou conhecida como PEC das Domésticas. Depois de mais de uma hora do início da sessão, a votação foi anunciada e realizada de forma simbólica (sem contagem dos votos) em menos de um minuto, depois de deputados e senadores apresentarem críticas ao texto do relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

O relatório estabelece que empregadores deverão pagar mensalmente contribuição com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 11,2% do total do salário do empregado. Desse valor, 3,2% deverão ser depositados numa conta separada, de modo a garantir que, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador possa ser indenizado com o recebimento de 40% de seu saldo do FGTS.

Os 8% restantes equivalem ao mesmo que é pago pelos empregadores das demais categorias . Também ficou definido 0,8% de contribuição para o seguro por acidente de trabalho e outros 8% para INSS.

A regulamentação define como empregado doméstico aquele que presta serviços de forma contínua, por mais de dois dias na semana, no âmbito residencial e com finalidade não lucrativa. O trabalho fica restrito a maiores de 18 anos, e a carga horário fixada em no máximo 8 horas por dia ou 44 horas semanais.

Também fica estabelecida a possibilidade de regime de 12 horas de trabalho por 36 de descanso, desde que expressa em contrato. Os horários de entrada e saída devem ser, obrigatoriamente, registrados por meio manual ou eletrônico.

Hora-extra
Pelo texto apresentado, fica definido que a hora-extra deverá ser paga com valor no mínimo 50% maior que a hora normal. As horas-extras poderão ser compensadas com folgas ou descontos na jornada diária, mas, caso ao final do mês a empregada acumule mais de 40 horas sem compensação, elas obrigatoriamente deverão ser pagas.
O restante será somado num banco de horas válido por um ano. No projeto, o banco é chamado de "sistema de compensação de horas”.

Férias
A regulamentação também cria a possibilidade de divisão das férias de trabalhadores da categoria em apenas dois períodos. Inicialmente, o texto de Jucá previa que as férias dos domésticos fossem divididas em até três períodos.

A mudança foi solicitada pelos sindicatos e equipara as férias de domésticos ao das demais categorias de trabalhadores urbanos e rurais. Um dos períodos de férias deve ter no mínimo 14 dias. Atualmente, não há regra específica para a divisão das férias que, segundo o Ministério do Trabalho, é fixada a critério do empregador.

Fonte: Com informações do G1

Publicado Por: Fábio Carvalho

INOCOOP
VANGUARDA
GUIA DE FESTAS
Últimas Notícias
10h51 Servidores públicos podem se inscrever para Colônia de Férias do Iapep na Semana Santa 10h49 Fim do mistério: Zé Pedro é Melgaço e Comendador quer matá-lo 10h45 Garçom do Palácio de Karnak é demitido faltando só 8 meses para se aposentar 10h35 Diretor da Petrobras pede licença para fazer tratamento de saúde 10h30 Ministério da Justiça continua a manter silêncio sobre a Força Nacional 10h22 PRF prende representante comercial por uso de documento falso em Parnaiba 10h19 Professor é preso ao tentar burlar preço de produtos no shopping em Parnaiba 10h18 Professor Roberto Alencar ministra aula de redação no Instituto Galaxy 10h10 Prefeitura de Paquetá abre seleção com 57 vagas e cadastros de reserva 10h03 Andar com uma bolsa da Louis Vuitton deixou de ser um sinal de superioridade 10h00 Alameda Sul, empreendimento Inocoop, já é referencia em qualidade. 09h59 Homem compra um celular por R$ 5 e diz na delegacia que foi enganado 09h52 Esposa de Quico do seriado 'Chaves' manda recado para Florinda, viúva de Bolaños 09h51 II Campeonato Piauiense Aberto de Tênis de Mesa no Shopping 09h43 No Facebook, PT usa meme de FHC, mas o 'feitiço vira contra o feiticeiro' 09h39 Filho do ex-jogador Caniggia posa com arma na cabeça e brinca 09h30 Lucile Moura volta a atuar no governo de W.Dias, agora na pasta de Merlong 09h06 Após desistir, esgrimista diz que sente vergonha de competir pelo Brasil 09h04 Energia ficará mais cara a partir de segunda, 02; reajuste de 3,2% no PI 09h00 Demarcação do Parque das Nascentes será concluída 09h00 Pesquisa mostra como é a relação de alunos de THE com a internet 08h53 Ossada humana é encontrada, e aguarda em Bom Jesus a pericia para confirmação de DNA 08h50 Muricy revela pedido de Maicon para deixar São Paulo; Grêmio é o destino 08h44 PEDREIRO piauiense morre vítima em desabamento em SP 08h39 Morre um dos siameses após cirurgia; irmão em estado grave
Vanguarda
VANGUARDA
ABC
ISLAMAR

Mais Lidas

    Imobiliaria

    Enquete

    De manhã, qual noticiário você prefere assistir?

    Total de Votos: 0

    Válida de 28/02/2015 a 07/03/2015

    GUIA DE FESTAS
    Dantas Imobiliaria

    180graus no Instagramno Instagram

    INOCOOP