Geral

Cultura e entretenimento · 27/10/2009 - 17h09

II Festival da Uva será lançado sexta-feira (30) em São João do Piauí

Haverá concurso de redação e desenho direcionado aos alunos da rede pública


Compartilhar Tweet 1



A segunda edição do Festival da Uva será lançada, oficialmente, na próxima sexta-feira (30), no Centro Cultural de São João do Piauí, às 9 horas. Além do governador Wellington Dias, o lançamento vai reunir parceiros como o Sebrae, Codevasf, lideranças políticas, técnicos rurais atuam na produção de uva no Assentamento Marrecas e representantes de toda a cadeia produtiva envolvida ou beneficiada com o Festival.

Uma das inovações desta edição é o concurso de redação e desenho direcionado aos alunos da rede pública de São João do Piauí. O concurso será lançado do Festival em São João, e o prazo de entrega para análise das redações será dia 23 de novembro. Já a premiação acontecerá durante o Festival, de 3 a 6 de dezembro. A proposta é trabalhar junto aos alunos da rede pública as contribuições do Festival e da presença da uva para o desenvolvimento sócioeconômico da região.

Segundo a secretária Rejane Dias, o foco do festival é o empreendedorismo, por isso a programação trará palestras e debates relacionadas à fruticultura, mas o Festival também terá espaço para cultura, lazer e entretenimento com uma rica programação cultural que será apresentada no lançamento do Festival. “O carro-chefe é a uva, mas apostamos no potencial da fruticultura daquela região como um todo, por isso, o governador está dotando a região de infraestrutura necessária, bem como, viabilizando a atração de investimentos para promover o desenvolvimento desse polo de fruticultura no Estado”, explica.

O governador Wellington Dias destaca que, além da produção de uva, São João do Piauí também é um grande produtor de frutas como banana, goiaba, melancia, manga e que, por isso, o Governo do Piauí está investindo em ações, como uma escola que oferece cursos de educação profissional na Escola Agrotécnica de São João. “É a prática aliada à teoria para fortalecer o desenvolvimento”, explica. O Assentamento Marrecas foi o primeiro investimento da Codevasf na área de irrigação, com aproveitamento dos 140 metros cúbicos de água dos poços jorrantes.

Para a sanjoanense Ivone Amorim, um dos maiores legados do Festival foi a melhoria da autoestima da população local, que agora se orgulha em dizer que São João é a capital da uva. “Depois do I Festival da Uva o povo se orgulha em dizer que é de São João do Piauí a capital da uva piauiense”, explica.

A realização do Festival é resultado de um conjunto de parcerias que inclui vários órgãos do Governo do Estado como Piemtur, Secretaria de Desenvolvimento Rural, Emater, Fundac, Fundespi, além do Governo Federal, através da Codevasf, do Sebrae e da Prefeitura de São João do Piauí.

Imprimir esta página


Fonte: Ccom