Geral

Destruiu quase todo o ginásio · 29/11/2012 - 14h35

Circuito interno do Fla mostra homem suspeito de iniciar incêndio

Rubro-Negro enviará imagens à Polícia na tarde desta quinta-feira


Compartilhar Tweet 1



O Flamengo enviará na tarde desta quinta-feira imagens do circuito interno de monitoramento da Gávea à Polícia Civil. No trecho gravado, pouco depois de 8h, há um homem de camisa preta com mochila nas costas perto do portão em que começaram as chamas no ginásio Cláudio Coutinho. Nas imagens, o suspeito se abaixa, deixa um objeto e sai do local rapidamente às 8h27m. Quinze minutos depois, às 8h42m, as chamas são notadas e alunos, responsáveis e professores correm para sair do local.

O incêndio destruiu cerca de um terço das instalações da ginástica artística e causou prejuízo de R$ 800 mil. Não houve feridos. Logo após o incidente, a Defesa Civil e a polícia realizaram uma perícia no local para descobrir a causa. Inicialmente, relatos de mães de alunos indicavam que uma fagulha de uma obra ao lado poderia ser a causa do problema. Porém, o clube informou que os maçaricos não estavam ligados no momento.

Questionado sobre as causas, o vice de Fla-Gávea, Cacau Cotta, preferiu esperar o laudo das autoridades, que deve sair em 30 dias.

- Não descarto nada. A princípio, a obra (com maçaricos) não tinha começado. A caixa de luz está intacta. Não quero especular porque pode ter sido criminoso, pode ter sido descuido, pode ter sido cigarro, parte elétrica. Não há indício a olho nu. O laudo dos Bombeiros e da Defesa Civil é que vai dizer. O laudo sai em 30 dias, e a presidente Patrícia Amorim pediu ajuda para os atletas treinarem porque os aparelhos foram comprometidos.


Fonte: Com informações do Globoesporte