Geral

Aplicação da prova · 20/03/2017 às 12h24 | Última atualização em 20/03/2017 às 12h44

Candidatos foram desclassificados do concurso da SEJUS

Grupo de candidatos também registrou boletim ocorrência após portões serem fechados


Compartilhar Tweet 1



Apesar do clima de tranquilidade que marcou a aplicação da prova para o concurso de agente penitenciário da Secretaria de Justiça do Piauí neste domingo (19/03), candidatos foram desclassificados por descumprirem regras do edital.

Fiscais flagraram pelo menos dois candidatos que 'pescavam' a partir de papeis com informações que haviam levado para a prova e foram imediatamente retirados das salas e tiveram seus nomes registrados para desclassificação.

Além disso, outro candidato foi impedido de continuar a prova após seu aparelho celular permanecer ligado, mesmo estando dentro do lacre, que era impedido pelo edital.

Cerca de 10 candidatos que chegaram atrasados na prova registraram um boletim de ocorrência no 2º Distrito Policial após os portões serem fechados às 8h30, como previa as regras da prova. Eles alegavam que apesar de haver a informação, a prova só seria iniciada às 9h.

Mais de 7 mil candidatos se inscreverem para o concurso que deve classificar 400, com 75 que devem ser chamados imediatamente, com salário a partir de R$ 5.966,14.

Essa é a segunda vez que a etapa é aplicada após a polícia descobrir fraudes na anterior. Delegados de policia civil, agentes penitenciários, policiais militares e agentes de policia civil descaracterizados fizeram as provas deram cobertura à realização do concurso.