180graus

Púrpura autoimune - 15/08/2017 às 10h09

Púrpura autoimune destrói células sanguíneas e afeta qualidade de vida de pacientes


Ainda pouco conhecida, a Trombocitopenia Imune Primária– também conhecida como PTI – é considerada benigna, mas requer tratamento adequado e acompanhamento médico para evitar complicações

Ainda pouco conhecida da população, a Trombocitopenia Imune Primária (PTI), conhecida popularmente como púrpura, apresenta-se como manchas avermelhadas na pele, hematomas sem causa aparente e sangramentos espontâneos na gengiva, narinas, urina e fezes. Aproximadamente 19 mil brasileiros, em torno de 73% mulheres, são acometidos pela enfermidade. Pela população, estima-se que somente no Piauí 285 pessoas sejam acometidas.

A PTI é uma doença hematológica autoimune em que o próprio organismo passa a destruir as plaquetas, células responsáveis pela coagulação do sangue. Em um indivíduo saudável, o número de plaquetas varia de 150 a 400.000 por microlitro, enquanto em pacientes com PTI esse número chega a menos de 20.000 nas formas mais severas. Essa baixa pode ocasionar sangramentos na pele e nas mucosas, além de sangramentos nasais, nas gengivas, gastrintestinais, no trato urinário e, em casos mais graves, hemorragias cerebrais.

A doença se manifesta de maneiras diferentes em crianças e adultos. Quando a doença se manifesta em crianças, é comum que ocorra uma remissão espontânea o nível das plaquetas retorne ao normal, desaparecendo os sintomas da doença. Já em adultos, não é comum a remissão espontânea e a doença tende a torna-se crônica, o que torna necessário acompanhamento e tratamento contínuo.

O maior cuidado do paciente é procurar manter as plaquetas no nível mais estável e seguro possível para evitar hemorragias espontâneas. Práticas esportivas devem ser evitadas para evitar contusões e ferimentos, que causariam hemorragia espontânea.

O diagnóstico da PTI é feito por exclusão. Quando um hemograma completo apresenta uma baixa contagem de plaquetas, busca-se encontrar a causa, pois medicamentos, outras doenças e infecções podem estar envolvidas. Somente com o descarte destas possibilidades pode-se suspeitar de PTI. Após a confirmação do diagnóstico deve-se classificar como aguda persistente ou crônica. É fundamental a classificação para a escolha do tratamento adequado.

Embora já existam medicamentos mais modernos para o tratamento da PTI, que apresentam menos efeitos colaterais, o uso de corticoides ainda é muito utilizado e apresentam diversos efeitos colaterais, como ganho de peso, irritabilidade, inchaço, insônia e alterações de humor, entre outros. Além do impacto na saúde, muitas pessoas sofrem com abalo emocional e social o que prejudica muito a adesão ao tratamento.

Outra dificuldade é a falta de informações sobre o assunto. Pensando nisso, a Abrale criou a campanha “É possível viver bem com PTI - Histórias de Superação”, com o objetivo de ampliar o conhecimento sobre a doença e compartilhar histórias de pessoas convivem com a PTI. É o caso da atleta olímpica de natação Ana Marcela, Bicampeã Mundial da Maratona Aquática e madrinha da campanha. No hotsite da campanha, é possível conhecer histórias de pessoas que, assim como Ana, com acompanhamento adequado vivem bem com a PTI. Saiba mais em http://pti.abrale.org.br/. Um outro site que apresenta mais informações sobre a doença e seus tratamentos é o do Laboratório Farmacêutico Novartis. Para mais informações, acesse www.novartis.com.br

Fonte: Com informações de Caroline Ferreira, da Edelmansignifica

Tópicos
Aumento no risco de câncer - 07/08/2017 às 09h05

Risco de desenvolver melanoma aumenta 35 vezes em sete décadas

Em 1935, o risco de um indivíduo desenvolver melanoma durante sua vida era de 1 para 1.500; em 2010, esse risco já era para 1 em 48

Segundo a Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer (Iarc), órgão da Organização Mundial da Saúde (OMS) responsável por pesquisas relacionadas ao câncer em todo o mundo, os casos de câncer devem crescer cerca de 50% nas próximas duas décadas, alcançando 22 milhões de pessoas diagnosticadas em 2030 – em comparação com os 14 milhões de 2012. Essa estimativa reforça que o câncer é uma questão de saúde pública, com impacto social e econômico.

Esta previsão se aplicar a todos os cânceres, porém, alguns tipos merecem destaque, dentre estes o melanoma, que embora menos comum, seja o mais agressivo entre os cânceres de pele e tem apresentado uma incidência crescente. No mundo, cerca de 200 mil casos de melanoma são diagnosticados por ano e 55 mil pessoas vão a óbito, o equivalente a 6 mortes por hora, segundo a OMS.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA) no Brasil, são diagnosticados anualmente 5.560 novos casos da doença, com aproximadamente quinze óbitos por dia (1.547 óbitos/ano).

Rodrigo Munhoz, médico oncologista especialista em melanoma do Hospital Sírio Libanês e do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), afirma que ainda não é possível atribuir esse aumento de casos a um fator específico, embora estudos mostrem que 65% dos casos estejam relacionados a exposição solar excessiva.

Queimaduras solares graves na adolescência aumentam em 80% riscos de desenvolver melanoma
Um estudo publicado na revista Cancer Epidemiology, Biomarkers & Prevention (CEBP) revelou que, em uma população de mais 108 mil mulheres brancas analisadas (nos EUA), aquelas que sofreram pelo menos cinco incidentes de queimaduras solares graves entre 15 e 20 anos apresentaram risco 68% maior de desenvolver carcinoma basocelular ou espinocelular e 80% maior de desenvolver melanoma6. Dentre as participantes do estudo, cerca de 24% tiveram episódios de queimadura solar com bolhas dolorosas no início da vida, sendo que 10% relataram já ter passado por esses episódios mais de cinco vezes. Do total de participantes, foram diagnosticados 6.955 casos de carcinoma basocelular, 880 de carcinoma espinocelular e 779 de melanoma.

Para os especialistas, esses dados sugerem que o risco de desenvolver melanoma pode estar diretamente relacionado à exposição solar excessiva na juventude, quando a atenção com a saúde da pele costuma ser menor. Estes fatos demonstram a necessidade de que a preocupação com a saúde da pele comece ainda na tenra idade, quando os pais são os responsáveis.

Alterações genéticas também estão envolvidas em mais de 50% dos casos de melanoma, como uma mutação identificada como mutação V600, ocorrida no gene BRAF, levando a uma maior proliferação celular, o que torna fundamental ao paciente que receba um diagnóstico de câncer tipo melanoma, a realização de teste genético para verificar a existência de alguma mutação, o que permitirá ao médico prescrever o tratamento adequado ao paciente

Fonte: Com informações de Caroline Ferreira, da Edelmansignifica

Eleições CRF-PI - 04/08/2017 às 12h42

Inscrições para Conselheiros e Diretores do CRF PI encerram segunda-feira (07/08)

Encerram segunda-feira, dia 07/08/17, às 18:00 horas, as inscrições para concorrer ao cargo de Conselheiro Regional do Conselho Regional de Farmácia do Piauí e compor chapa para Diretoria.

Todos os farmacêuticos que cumprirem os requisitos abaixo, podem concorrer individualmente ou ainda, inscrever chapas completas para compor a Diretoria, para o biênio 2018/2019.

Dos requisitos:

a) ser brasileiro;
b) estar com inscrição profissional principal e definitiva no quadro de farmacêuticos, aprovada pelo Plenário do respectivo CRF, até a data de encerramento do prazo de inscrição de candidatos;
c) não estar proibido ou suspenso de exercer a profissão;
d) estar quite com a Tesouraria do CRF, sem qualquer débito ou parcela vencida no ato da inscrição do candidato;
e) ter, no mínimo, 3 (três) anos de inscrição em CRF;
f) apresentação de certidão da justiça estadual, federal, militar e eleitoral, essa última fornecida pelas zonas eleitorais, pelos Tribunais Regionais Eleitorais e pelo Tribunal Superior Eleitoral, onde não conste sentença condenatória transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, ainda que não transitada em julgado, consoante ao previsto na Lei Complementar nº 64/90 e na Lei Complementar nº 135/10;
g) apresentação de certidão da justiça estadual e federal onde não conste sentença condenatória por improbidade administrativa transitada em julgado ou acórdão proferido por órgão judicial colegiado, ainda que não transitado em julgado, consoante ao previsto na Lei Complementar nº 64/90 e na Lei Complementar nº 135/10;
h) apresentação de declaração própria, sob as penas da legislação vigente, atestando que não tem qualquer outra causa de inelegibilidade, nos termos desta Resolução.

O candidato deve apresentar ainda uma foto atual, frontal, colorida, impressa ou digitalizada, em formato .JPEG, com até 110 KB de aproximadamente 220 pixels de largura por 340 pixels de altura.

Nove das doze certidões negativas, podem ser obtidas diretamente nos sites do respectivos tribunais, em poucos minutos, somente a Certidão de que não há condenação por improbidade administrativa, do Tribunal de Justiça do Estado 2º instância e as do CRF-PI é que se obtêm presencialmente.

Detalhadamente:

Justiça Eleitoral 1º instância
Certidão de Quitação Eleitoral (no site)
Certidão de que não tem processo criminal (no site)

Tribunal Regional Eleitoral 2º instância
Certidão de Quitação Eleitoral (no site)
Certidão de que não tem processo criminal (no site)

Justiça Estadual 1º instância
Nada Consta: Cível, Criminal e Militar (no site)
Certidão de que não há condenação por improbidade administrativa (presencial)

Tribunal de Justiça do Estado 2º instância
Nada Consta: Cível, Criminal e Militar (no site)

Justiça Federal 1º instância (subseção do Piauí)
Nada Consta: Cível, Criminal e Militar (no site)

Justiça Federal 2º instância
Nada Consta: Cível, Criminal e Militar (no site)

Justiça Federal 2º instância
Nada consta: Eleitoral (no site)

Conselho Nacional de Justiça
Certidão de que não há condenação por improbidade administrativa (no site)

CRF – PI
Certidão de quitação com a Tesouraria (presencial)
Certidão de que não há impedimentos (presencial)

Inovação brasileira - 31/07/2017 às 08h47

Fiocruz cria diagnóstico personalizado para o câncer

A Fundação Oswaldo Cruz, por meio do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde (CDTS/Fiocruz), criou uma metodologia inovadora e inédita no mundo para o diagnóstico molecular no tratamento personalizado do câncer. Ao identificar, através de análises genéticas, o perfil molecular do tumor e do tecido saudável de cada indivíduo, poderá ser indicado o coquetel de medicamentos mais relevante para cada paciente, minimizando os efeitos colaterais.

De acordo com o especialista em Bioinformática do CDTS/Fiocruz, Nicolas Carels, a proposta da Fiocruz permite a indicação de uma terapia mais precisa, o que significa, em termos de benefícios diretos, mais chance de cura, menos efeitos colaterais e melhor sobrevida para os pacientes. As terapias atuais são altamente agressivas. Além disso, a economia representada pela escolha adequada do medicamento pode ser revertida para ampliar o acesso da população ao tratamento.

A especialista Tatiana Tilli, que divide o desenvolvimento da metodologia com Carels, reitera que o método foi desenvolvido para ser aplicado a pacientes com qualquer tipo de câncer e está validado, ou seja, testado em linhagens celulares tumorais e não tumorais com resultados de máxima eficiência para o câncer de mama. Isto representa indiretamente uma economia financeira substancial para o gestor hospitalar em termos de despesas com efeitos colaterais, novas internações e ciclos longos de tratamento.

Carlos Medicis Morel, coordenador-geral do CDTS/Fiocruz, ressalta que a metodologia poderá beneficiar pacientes, médicos, equipe médica, gestores e laboratórios farmacêuticos. A tecnologia é objeto de empreendedorismo, de investimentos e parcerias públicas e privadas. O CDTS/Fiocruz tem como missão levar o novo conhecimento gerado pela pesquisa e desenvolvimento tecnológico até a população.
Câncer

O câncer é uma doença grave cujo impacto global estimado é de 27 milhões de casos no mundo até 2030, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). O câncer de mama é o mais comum em mulheres (atinge uma proporção de 25% de todos os cânceres). No Brasil, cerca de 70% do tratamento realizado para todos os tipos de câncer é realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Com informações de Regina Castro (CCS/Fiocruz)

Tópicos
Eleições CRF-PI - 18/07/2017 às 22h00

Inscrições para Conselheiro(a) e Diretor(a) do CRF-PI ocorrerão de 01 a 07 de agosto

No próximo dia primeiro de agosto estarão abertas as inscrições para eleição dos novos Conselheiros(as) do Conselho Regional de Farmácia (CRF-PI) para os quadriênios de 2018 a 2021 e 2019 a 2022 e para a Diretoria no biênio 2018/2019.

O Conselho Regional de Farmácia, assim como todos os Conselhos de Profissões Regulamentadas do País, é um órgão Autárquico, incumbido pela Lei 3.820/60, para prestar serviço a população, garantindo que as atividades realizadas pelos seus inscritos, tenham qualidade, segurança e estejam em conformidade com o estabelecido pelo Código de Ética da Profissão Farmacêutica.

Entenda a eleição

No mesmo pleito eleitoral, ocorrerão eleições para dois períodos de mandatos distintos e a eleição para uma nova Diretoria. Serão eleitos cinco Conselheiros(as) (os cinco mais votados para o quadriênio 2018/2021) e dois suplentes destes mandatos (que obtiverem a sexta e sétima melhor votação para o quadriênio 2018/2021), que assumirão no dia 01 de janeiro de 2018 e terão mandato até o dia 31 de dezembro de 2021.

Também serão eleitos, quatro Conselheiros(as) (os quatro mais votados para o quadriênio 2019/2022) e um suplente destes, (o quinto mais votado para o quadriênio 2019/2022) que assumirão apenas no dia 01 de janeiro de 2019 e terão mandato até 31 de dezembro de 2022. Os candidatos têm que escolher previamente a qual dos mandatos irão concorrer, sendo vedada a inscrição nos dois mandatos.

Será também eleita a nova Diretoria para o biênio 2018/2019, que deverá ser composta por candidatos entre os novos inscritos a Conselheiro(a) para os mandatos acima citados e/ou por Conselheiros(as) que ainda tenham mandatos remanescentes, ou seja, entre os três Conselheiros que tiveram seus mandatos iniciados em 2016 para o período 2016/2019. O CRF-PI é composto por 12 conselheiros no total.

O cargo é honorífico (não remunerado) e poderão inscrever-se todo farmacêutico(a) que estiver em dia com suas obrigações perante o CRF-PI e cumprirem os requisitos e apresentarem a documentação exigida pelo edital que será lançado, no mais tardar, no dia 20/07/2017.

Carregando, por favor aguarde...
Quer mudar de vida?
Teresina 165 anos
Matemática e Raciocínio Lógico no Podium
Matemática Básica
Casa do Cartucho
Tire sua CNH com a Autoescola Gallantys
Aux. Administrativo UFMA
Assist. Administrativo UFMA
Últimas Notícias
21h18 Polícia prende suspeitos de matar jovem após festa no PI 21h17 Professor Gilbert Gaertner II fará palestra sobre sonho de estudar no exterior 21h12 51 concursos oferecem salários de até R$ 26,1 mil em várias regiões do Brasil 21h07 Comissão especial conclui votação e antecipa fim das coligações partidárias 20h36 Número de mortos em naufrágio no Rio Xingu sobe para dez 20h32 Festival da Cajuína reúne produtores na capital durante três dias 20h31 Uespi lança edital com mais de mil vagas para especializações nesta quinta (24) 20h30 Secretário Estadual Fábio Abreu estará ao vivo no EugenioShow nesta quarta-feira 20h27 Semana universitária do ASA orienta estudantes do ensino médio na escolha de profissão 20h25 Ex-prefeito que sofreu acidente na BR-135 criticou sobre obra em vídeo 20h23 Técnicos da Secretaria de Agricultura visitam unidade de produção familiar em José de Freitas 20h17 Secretaria de saúde de Pimenteiras realiza mutirão com crianças 20h14 Prefeito Márcio Alencar tem prestações de contas aprovadas pelo TCE 20h14 Prefeito e secretária trazem aula de balé para Santa Cruz do Piauí 20h08 Prefeito Roger Linhares participa de evento em homenagem aos pais em José de Freitas 20h08 Cajazeiras: Dentistas realizam ações e entrega de kits para alunos 20h03 Audiência Pública apresentará direitos e deveres das famílias beneficiárias do Bolsa Família 20h03 Polícia prende homem suspeito de praticar furto em Esperantina 19h56 Joaquim Pires promoverá o segundo campeonato de futebol amador 19h54 Colisão deixa poste caído na 'Miguel Rosa' e dois motociclistas feridos 19h49 Secretaria de Educação de Joaquim Pires realiza o IV Seminário Municipal 19h48 Secretaria de saúde promove palestra sobre saúde bucal 19h38 Saiba como incentivar o seu parceiro a fazer mais sexo oral 19h35 Atleta medalhista ouro no Mundial de Paracanoagem é natural de Picos 19h27 Filme pornô: quando ele ajuda e quando atrapalha na relação