180graus

Medicamento suspenso - 15/09/2014 às 06h55

Anvisa suspende venda de lote de expectorante e broncodilatador

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária determinou na quarta-feira (10) a suspensão da comercialização de 12 lotes do medicamento Acebrofilina 10 mg/ml, xarope 120 ml, produzido pela Prati, Donaduzzi & Cia Ltda.

O medicamento geralmente é indicado no tratamento de desobstrução dos brônquios e eliminação do muco das vias respiratórias.

A empresa decidiu, voluntariamente, recolher o produto, por ter percebido pontos de cristalização. Todos os farmacêuticos devem verificar a existência destes lotes na drogaria e farmácia sob sua responsabilidade e em caso positivo, recolhe-lo imediatamente, evitando que o mesmo venha a ser utilizado.

Os lotes com problemas são os seguintes:
Lote Validade
14C603 03/2016
14C79Y 03/2016
14D855 04/2016
14D91P 04/2016
14D92P 04/2016
14D93P 04/2016
14E837 05/2016
14F64M 06/2016
14F65M 06/2016
14F16T 06/2016
14G83F 07/2016
14G02G 07/2016

Fonte: Agência Brasil

Publicado Por: José Vilmore

Tópicos
Alta taxa de suicídios - 08/09/2014 às 06h53

Segundo a OMS, o Brasil é o 8º país com mais suicídios

Um relatório da Organização Mundial da Saúde, divulgado na semana passada, coloca o Brasil como 8° país do mundo em número de suicídios, com 11.821 casos em 2012, lista que tem como primeiros a Índia, China, EUA, Rússia, Japão, Coreia do Sul e Paquistão. Segundo o órgão mais de 800 mil pessoas cometem suicídio por ano no mundo, o que dá um número de um a cada 40 segundos.

Ainda segundo o documento, cerca de 75% dos suicídios acontecem entre pessoas de países pobres ou nível socioeconômico médio. No mundo todo, as taxas são maiores entre pessoas com mais de 70 anos, mas, em alguns países, os maiores índices foram entre jovens. Na faixa dos 15 aos 29 anos, o suicídio é a segunda maior causa de morte.

O suicídio está muito ligado à depressão, uma doença relativamente comum, porém, às vezes, de diagnóstico complexo devido a suas diversas formas de manifestações, que vão da forma clássica e de mais fácil diagnóstico, até situações de difícil identificação, como exposições excessivas a riscos ou a enfrentamentos desproporcionais. Há ainda situações ligadas ao consumo de drogas.

Diante do quadro, a OMS exorta governos a colocarem em prática planos de prevenção, estratégia existente em apenas 28 países, como restrição do acesso aos métodos mais comuns, como armas.

Fonte: Valor Econômico

Publicado Por: José Vilmore

Tópicos
II JOFAR - 05/09/2014 às 18h19

II Jornada Acadêmica de Farmácia reúne quase 900 participantes em Teresina

Terminou nesta sexta-feira (05.09) a 2ª edição da Jornada Acadêmica de Farmácia (Jofar), que teve início na última terça-feira (02.05), em Teresina (PI). Estão envolvidos na organização do evento estudantes dos cursos de Farmácia da CET, AES-PI, Facid, FSA, Faesf-PI e UFPI. As atividades são direcionadas a acadêmicos e profissionais das áreas de saúde, especialmente Farmácia, Biomedicina e Química, e reuniram quase 900 pessoas em todas as instituições que têm cursos de Farmácia na capital piauiense.

O tema abordado este ano foi “Atenção Farmacêutica”, com foco na resolução nº 585/2013, do Conselho Federal de Farmácia (CFF). Essa resolução regulamentou as atribuições clínicas dos farmacêuticos, entre as quais, a prescrição farmacêutica, de que trata outra resolução de igual importância também aprovada pelo CFF em 2013, a resolução nº 586.

No último dia de evento, participantes da Jornada se mobilizaram na avenida Frei Serafim. O presidente da Jofar, Rodrigo Lopes Gonçalves, destaca que a proposta é fortalecer o movimento estudantil. “Nós, enquanto acadêmicos, estamos tentando mostrar à sociedade em geral a importância da presença do profissional farmacêutico em todos os locais em que encontramos medicamentos”.

Rodrigo Gonçalves evidencia que o evento tem contribuído para mostrar a união entre acadêmicos, instituições e profissionais, dando ênfase na valorização da classe e quebrando barreiras entre diferentes instituições de ensino e até mesmo entre os estudantes de Farmácia e profissionais. “Acredito que a Jofar veio para ficar, quebrando muitos paradigmas e que, cada vez mais, a visibilidade do profissional está se expandindo de forma positiva. Estamos realizados com a dimensão em que o evento obteve, principalmente pela vinda de palestrantes de várias partes do Brasil e os participantes dos outros estados que aqui estiveram presentes”, finalizou.

Fonte: Comunicação CFF

Publicado Por: José Vilmore

Tópicos
JOFAR - 01/09/2014 às 06h43

Teresina aguarda a II Jornada Acadêmica Farmacêutica que iniciará amanhã

Iniciará amanhã 02/09 (terça-feira) e se prolongará até a sexta-feira (05/09), a 2° Jornada Acadêmica de Farmácia (JOFAR), onde, este ano, espera-se um público de mais de oitocentos participantes e, já é atualmente considerado o maior evento organizado por alunos de farmácia das faculdades brasileiras.

Será uma semana inteira de palestras, minicursos e mesas-redondas com a participação de grandes profissionais do Piauí e de outros estados brasileiros, como Minas, Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo, que certamente trarão contribuições importantes para o aprimoramento de acadêmicos e farmacêuticos que participarem do evento.

Estimamos que o estado possua em torno de 2.000 acadêmicos de farmácia, distribuídos nas seis faculdades de farmácia do estado, com previsão de abertura de mais uma faculdade no norte do Piauí. Embora o número de profissionais tenha aumentado muito nos últimos anos, o estado ainda é o que possui o menor numero de farmacêuticos por 10.000 habitantes e que somente em aproximadamente cinco anos, conseguiremos nos igualar à média brasileira.

HISTÓRICO DA JOFAR

Em setembro de 2013, estudantes de diversas faculdades de Farmácia do Piauí reuniram-se para realizar a primeira edição da Jornada Acadêmica de Farmácia (JOFAR), em prol da valorização do profissional farmacêutico e da sua importância como promotor de saúde. Durante os quatro dias de programação, acadêmicos e profissionais tiveram a oportunidade de discutir a melhor maneira de se trabalhar a união da classe, que muito tem crescido no estado. Houve ainda uma gama de atividades (palestras, minicursos, mesas-redondas e grupos de discussão) que abordaram a realidade nas diversas áreas de atuação do farmacêutico, como, análises clínicas, farmácia magistral, indústria de alimentos e cosméticos.

A 1ª JOFAR ultrapassou as expectativas iniciais e obteve público recorde, transformando-se no maior evento realizado por estudantes de Farmácia do Nordeste. Tamanho destaque rendeu à JOFAR a participação no calendário de eventos do Conselho Federal de Farmácia, além de apoio por parte desta que é a maior instituição representativa da classe.

O evento, trouxe a união entre os acadêmicos das instituições que disponibilizam o curso de farmácia do Piauí, além de promover uma visão mais crítica dos alunos inserindo-os na busca de uma maior participação nas reivindicações da categoria no estado. Um exemplo marcante foi o ato público ocorrido na manhã de 05 de setembro de 2013, na Avenida Frei Serafim, em que estudantes e profissionais juntamente com os representantes do SINFARPI se uniram para reivindicar às autoridades governamentais a convocação de mais profissionais farmacêuticos a fim de melhorar o atendimento da população na Diretoria de Unidade de Assistência Farmacêutica da Secretaria de Estado da Saúde do Piauí. A ação, em forma de caminhada ao longo da principal avenida de Teresina, conseguiu notoriedade na imprensa local e despertou na sociedade piauiense o interesse a cerca deste profissional indispensável para a realização da assistência à saúde da população.

Maiores informações: http://www.jornadadefarmacia.com/

 

Fonte: site JOFAR

Publicado Por: José Vilmore

Liberação do Canabidiol - 27/08/2014 às 06h18

Faz-se urgente a liberação do canabidiol para uso medicinal

Durante muitos séculos, os medicamentos conhecidos e utilizados pelo homem eram, em quase toda sua totalidade, de origem vegetal e, ainda hoje em nossas farmácias, aproximadamente 30% dos produtos comercializados tem diretamente esta origem.

Acumulo do conhecimento ao longo dos séculos trouxe como consequência, aplicação destes para os avanços na área de saúde, como a síntese em laboratório de novos compostos inéditos na natureza, que possibilitaram a introdução de novos medicamentos exclusivamente de origem química e a síntese em laboratórios de compostos naturais ou ainda, o aperfeiçoamentos de moléculas de origem vegetal, de forma aumentar a eficácia ou reduzir toxicidade do composto natural.

Ocorre, que muitos compostos naturais são de uma complexidade tão grande, que ainda não é possível a sua síntese em laboratório, obrigando a extração para uso medicamentosos, diretamente do vegetal.

Um dos compostos que ultimamente tem gerado muita polêmica é o canabidiol, um dos mais de 300 compostos encontrados nas folhas da Cannabis sativa e que estudos conduzidos em diversos países, entre eles EUA, Reino Unido, Canadá e Israel, tem mostrados efeitos benéficos no tratamento da esclerose múltipla, dores neuropáticas, enjoos provocados por quimioterápicos e epilepsia multifocal e de difícil controle.

Crianças com epilepsia multifocal e de difícil controle aos tratamentos convencionais passam a receber doses cada vez mais elevadas de medicamentos anticonvulsivante a ponto de, em alguns casos, uma única dose recebida por uma destas crianças seria suficiente para matar um homem adulto que não esteja em tratamento. Nestes casos o canabidiol tem se revelado muito eficaz, porém por ser derivado de uma planta proscrita no território brasileiro, sua importação é proibida, impossibilitando assim, crianças de receberem o tratamento com esta substancia.

Algumas famílias da Paraíba conseguiram na justiça o direito de importar diretamente o canabinol de países onde o mesmo esteja liberado, para o tratamento de seus filhos e, relatam uma grande melhoria não somente no controle das crises mas também na qualidade de vida como um todo.

Esta semana, representantes destas que lutam pela liberação do Canabidiol (CBD), participaram na segunda-feira (25/08) de uma audiência pública no Senado Federal, onde foi analisado o relatório do senador Cristóvão Buarque (PDT-DF) que propõe a liberação da maconha (cannabis sativa).

Pais e mães destas crianças, mostraram no plenário a necessidade de uma proposta exclusiva para liberação do uso medicinal do CBD, dado a urgência que o caso requer, separando-a do polêmico texto que colocam na mesma proposta a liberação para uso medicinal e juntamente com a de liberação também para uso recreativo.

Ontem representante das famílias estiveram no Conselho Federal de Farmácia em busca de apoio institucional e outras orientações, e, receberam de um Diretor a promessa de que que será aberta no plenário a discussão deste tema para um posicionamento formal do órgão.

Esta coluna se solidariza com as famílias por entender como urgentíssima a necessidade da regulamentação do canabidiol para uso exclusivamente medicinal, separando das discussões para uso também recreativo, como uma forma de acelerar a regularização neste casos, que certamente trará uma grande melhoria na qualidade de vida destes pacientes, e até mesmo com o afastamento de situação de risco de morte em decorrência da gravidade do estado de saúde.

Paralelamente a liberação, um grande estudo deve ser conduzido para aprofundar os conhecimentos científicos do uso desta substância, de modo que se extraia o máximo benefício e se minimize ou anule qualquer risco desta utilização.

Publicado Por: José Vilmore

Carregando, por favor aguarde...
Últimas Notícias
20h42 Miss Piauí e as demais candidatas posam de biquíni em fotos oficiais 20h42 Magno Pires: 'O Piauí pode crescer muito mais, só depende dos parlamentares que atuam no estado' 20h30 Mais de 50% dos brasileiros estão conectados à internet, diz Pnad 20h30 Na sede do 180, Mainha fala de suas propostas para o Piauí em entrevista 20h10 Pastor Gessivaldo vai ao 180 e fala de suas propostas para o Piauí 20h02 Pnad 2013 confirma lentidão na melhoria da educação 20h00 Eleições 2014: Severo Eulálio fala de suas propostas para o Piauí. Confira! 19h57 Bairro Alto da Matriz está de luto pela morte de seu filho querido 19h53 Ex-BBB que mudou de sexo lembra bullying e conta que quer casar virgem 19h53 Sugestão de release: Comunidade acadêmica do ICF se mobiliza em Campanha de Doação de Sangue‏ 19h51 Profissionais do CRAS realizam atendimento a população no interior de Canavieira 19h43 Zé Filho é recebido com festa em Miguel Leão 19h42 Magno Pires diz que não vai aceitar situações de feudo como vem acontecendo atualmente 19h42 Silas Freire visita o município de Floriano 19h34 Argentina aprova lei que aumenta controle do Estado sobre empresas 19h33 Cerca de 1,5 mil pontos receberão treinamento de consumo responsável de bebidas 19h30 Candidato a deputado federal, Mainha Abreu fala de suas propostas 19h27 Projeto social premia participantes que perderam peso 19h21 CRAS volante é apresentado a comunidade Várzea Grande no interior de Canavieira 19h10 Eleições 2014: pastor Gessivaldo fala de suas propostas para o Piauí. Confira! 19h02 Restaurante Cloud Nine inaugura em THE com mistura de culinária internacional 19h00 Brasil ainda tem 13 milhões de analfabetos com mais de 15 anos 19h00 Severo Eulálio fala de suas propostas para o Estado durante entrevista na sede do 180 19h00 Credibilidade/Beneditinos: Juliana Moraes Souza e Átila Lira liderando 18h56 Anaconda de 80 kg e mais de 5m é capturada pelo dono do cão que ela comeu