Competições em 13 esportes · 11/09/2017 às 14h23 | Última atualização em 12/09/2017 às 10h40

Contagem regressiva para os Jogos Escolares Curitiba 2017


Compartilhar Tweet 1



Vai ser dada a largada para os Jogos Escolares da Juventude Curitiba 2017! A maior competição escolar do Brasil e celeiro de talentos para o esporte nacional inicia mais uma edição para jovens atletas de 12 a 14 anos. Nesta terça-feira, dia 12, será realizada a Cerimônia de Abertura do evento, no ginásio do Circulo Militar, em Curitiba (PR), a partir das 18 horas. As competições em nove esportes individuais começam na quarta-feira, dia 13. A entrada é gratuita para o público em todos os locais de competição.

Detectar talentos para o alto rendimento do esporte brasileiro é apenas um dos objetivos dos Jogos Escolares. “Desde que assumimos este projeto em 2005, os Jogos cresceram de forma bastante consistente. Hoje o evento está consolidado como referência internacional e possuem a missão principal de inserir socialmente os jovens através do esporte”, afirmou Edgar Hubner, diretor geral dos Jogos Escolares e gerente geral de juventude do COB.

O evento está consolidado e a cada ano conta com a participação de mais escolas e municípios de todo país. O projeto dá a oportunidade de jovens de locais distantes dos grandes centros competirem em um evento de abrangência nacional e com rigorosos padrões de organização. “A meta é continuar crescendo e para isso temos que disseminar o projeto através da valorização do profissional de Educação Física. Eles têm uma função primordial na inserção dos jovens no esporte e devem ter todas as condições para educar seus alunos. O esporte como ferramenta de transformação social é o principal pilar dos Jogos Escolares”, declarou Hubner.

Campeões olímpicos como Sarah Menezes, do judô, mundiais, como a também judoca Mayra Aguiar, atletas como Raul Togni Neto, o Raulzinho (hoje na NBA); Rosamaria Montibeller e Drussyla, da seleção feminina de vôlei; Ana Cláudia Lemos, Rosângela Santos, Geisa Arcanjo e Darlan Romani, do atletismo; Samira Rocha, do handebol; Emanuelle Lima, da GR; Hugo Calderano, do tênis de mesa, e até uma medalhista em Jogos Paralímpicos – Bruna Alexandre, também do tênis de mesa – já passaram pelos Jogos Escolares da Juventude.

“Por aqui tem passado medalhistas olímpicos e pan-americanos como Sarah Menezes, bicampeão dos Jogos Escolares. Tivemos a satisfação de identificar um crescimento considerável na participação dos atletas que disputaram os Jogos Olímpicos da Juventude. Em Nanquim 2014, 72% dos atletas que participaram da competição passaram pelos Jogos Escolares. No mundial de judô sub-18 desse ano, por exemplo, todos os participantes competiram nos Escolares”, lembrou Hubner.

As competições de nove esportes começam nesta quarta-feira. Jovens de todo o Brasil vão em busca de medalhas no atletismo, badminton, ciclismo, judô, ginástica rítmica, luta olímpica, natação, tênis de mesa e xadrez. No domingo, dia 17, terão início as modalidades coletivas: basquete, futsal, handebol e vôlei. Todas as informações de horários e locais de competição podem ser visualizados no site da competição, neste link.

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), correalizados pelo Ministério do Esporte e Grupo Globo, com patrocínio da Coca-Cola e apoio da Estácio, da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Estado do Paraná.

Fonte: COB

Comentários