Opera na metade do que pode · 17/02/2017 - 15h12

Mais da metade da água distribuída em Teresina é desperdiçada;veja os dados

Mais da metade da água distribuída em Teresina é desperdiçada;veja os dados


Compartilhar Tweet 1



Na manhã desta sexta-seira (17/02) o diretor-presidente da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos de Teresina (ARSETE), Edvaldo Marques Lopes, falou sobre a distribuição e tratamento água da Zona Sul e Norte da capital e ouve uma triste constatação: as estação de água funcionam pela metade.

“A produção atual de água é de mais de 3.000 L/s, sendo uma quantidade suficiente para abastecer a população de Teresina, porém a perda da produção é de 56%, o principal problema se encontra não na produção, mas na distribuição da água. O maior problema esta no sistema não só de adução, mas na distribuição para os usuários, são feitas verificações pela ARSETE vários vazamentos são encontrados pela cidade, a própria população tem denunciado tem comunicado, é papel da ARSETE como ouvidoria, ouvir a reclamação da população e buscar solução desses problemas”, disse Edvaldo em entrevista ao Bom Dia Piauí, da TV Clube.

A estação de tratamento da Santa Maria da Codipi, Zona Norte de Teresina, estava produzindo 250 L/s quando na verdade sua capacidade era de 500 L/s, produzindo somente metade da sua capacidade total que ainda chega a ser suficiente para distribuição e abastecimento da região. Segundo Edvaldo o problema se encontra na adução e distribuição.

Reprodução TV Clube


Fonte: Com informações do Jornal Bom Dia Piauí