Mil vagas em atendimento · 01/02/2017 às 12h49 | Última atualização em 01/02/2017 às 12h49

MPPI participa de reunião para ampliar tratamento a dependentes químicos no Estado

MPPI participa de reunião para ampliar tratamento a dependentes químicos no Estado


Compartilhar Tweet 1



Na manhã desta terça-feira (31/01), a Promotora de Justiça Marlete Cipriano, coordenadora do CAOCRIM-Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça Criminais, participou de reunião no Palácio de Karnak, com o Governador Wellington Dias, secretários de Estado, representantes da Polícia Militar e entidades terapêuticas para discutir a ampliação das unidades de tratamento a dependentes químicos, inclusive dentro do sistema prisional.

As autoridades destacaram que, quando são devidamente tratados, os dependentes químicos não retornam ao uso de drogas, reduzindo os riscos para a sociedade e representando menor custo para o Estado do que a prisão.

“Em 2016, atingimos mais de mil vagas em atendimento a pessoas no nosso sistema, na área de saúde e comunidades terapêuticas, e essa parceria com o Judiciário, Ministério Público e outras entidades vai possibilitar que nós possamos ampliar esse número de vagas. Nossa meta é aumentar as comunidades credenciadas e chegar aos 12 territórios do Piauí”, destacou o governador.

Outro objetivo da reunião foi descentralizar a rede de atendimento. Novas unidades terapêuticas devem ser implementadas em Picos, Parnaíba, Floriano e Bom Jesus. Através da parceria entre o Executivo, o Judiciário e o Ministério Público, o intuito é criar novas possibilidades de ampliação de vagas e o incremento de investimentos voltados para a política de combate às drogas e ao tratamento de dependentes.

Fonte: Com informações do MP-PI