Rádio pirata · 29/08/2016 às 15h55 | Última atualização em 29/08/2016 às 17h34

Polícia Federal e ANATEL fecham rádio clandestina da oposição em Barras

Polícia Federal e ANATEL fecham rádio clandestina da oposição em Barras


Compartilhar Tweet 1



Depois de dois meses operando na clandestinidade e desferindo ataques à gestão do Prefeito Capote, além de propaganda política extemporânea a favor do candidato da oposição de Barras, Dr. Carlos Monte, a Polícia Federal e ANATEL fecharam e recolheram os equipamentos da rádio educativa FM, que segundo a agência, operava na clandestinidade. O radialista Fco. Epaminondas informou que a ANATEL esperou o final da última edição do jornal “Cidade Livre” e, em seguida, procedeu o lacre, depois de ouvir os argumentos da suposta proprietária, a advogada, Dra. Conceição Carcará. A rádio foi montada com o objetivo de denegrir a imagem de Capote e desqualificar sua gestão. Nem a irmã de Capote, a empresária, Ivanilda Sérvulo foi poupada.

Fonte: Hélcio Araújo